tce janeiro
CNH - MOTO
Menu
sexta, 28 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Ciência e Tecnologia

UEMS desenvolve sistema que monitora qualidade do ar usando telescópios

05 outubro 2015 - 11h31Por Dourados News

Acadêmicos do Curso de Engenharia Física da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), unidade de Dourados, vinculados ao Grupo de Pesquisa em Física Aplicada e Engenharia, desenvolveram um sistema de monitoramento da qualidade do ar utilizando telescópios.

O objetivo foi determinar a presença de certos elementos, principalmente o dióxido de nitrogênio, emitidos na atmosfera pelos veículos e indústrias, que podem causar problemas respiratórios nas pessoas, além de provocarem chuvas ácidas, extremamente tóxicas ao meio ambiente e a todos os seres vivos.


A inovação da pesquisa acontece com a utilização de um sistema composto por dois telescópios, um deles ligado a um emissor de luz (LED de alta potência) e o outro ligado a um espectrômetro eletrônico que analisa a luz, digitaliza e a transmite ao computador para processamento dos resultados.


De acordo com o professor Dr. Paulo César de Souza, coordenador e orientador da pesquisa, “trata-se de um sistema inédito e inovador no Brasil, principalmente por utilizar telescópios em um sistema de emissão e recepção de luz capaz de aferir os índices de dióxido de nitrogênio na atmosfera,” explicou.


A pesquisa também contou com as colaborações dos professores Carlos Henrique Portezani e Edmilson de Souza, e dos acadêmicos do Curso de Engenharia Física Lenine Ramos de Oliveira, Rodrigo Marques, Cássio Sawada, Warlley Batista de Deus, Renan Semensato Carloni e Oziel Pazian Machado.


O acadêmico Lenine Oliveira esclareceu que “o sistema identifica e quantifica certos gases, presentes no ar, através da interação com a luz, como se fosse por ‘impressões digitais’, e é muito versátil e compacto, permitindo a alocação física facilmente em diferentes lugares e, além de não ser um método invasivo, pode apresentar resultados em poucos minutos”.


Para o coordenador do curso, Daniel Cesar Braz, “o desenvolvimento de pesquisas, como essa, evidencia a capacidade dos alunos e professores do curso de Engenharia Física em transformar o conhecimento básico e aprofundado sobre as leis da natureza (Física), associado a conhecimentos técnicos de múltiplas engenharias, em tecnologias e inovação para o benefício da sociedade”.