Menu
segunda, 01 de março de 2021
CORONAVÍRUS

Índia libera exportação da vacina de Oxford para o Brasil

A vacina desenvolvida pela farmacêutica britânica AstraZeneca e pela Universidade de Oxford estão sendo fabricadas no Instituto Serum, na Índia

21 janeiro 2021 - 13h27Por Nathalia Pelzl

O governo da Índia liberou as exportações comerciais de vacinas contra a Covid-19.

A informação foi dada pelo secretário de Relações Exteriores do país asiático à agência de notícias Reuters. 

A informação foi confirmada pela TV Globo com o Consulado indiano em São Paulo.

Conforme divulgado, as primeiras doses da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela AstraZeneca, que são fabricadas pelo Instituto Serum da Índia (SII), devem ser enviadas para o Brasil e Marrocos nesta sexta-feira (23).

Segundo o Consulado em São Paulo, um avião do Instituto Serum partirá na sexta e deve desembarcar no aeroporto de Guarulhos ainda no sábado (22). 

Ainda segundo o G1, o carregamento será enviado para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, para ser etiquetado e armazenado.

A vacina desenvolvida pela farmacêutica britânica AstraZeneca e pela Universidade de Oxford estão sendo fabricadas no Instituto Serum, na Índia, o maior produtor mundial de vacinas, que recebeu pedidos de países de todo o mundo.