Menu
terça, 27 de julho de 2021
SEGOV - MICROCREDITO 27 A 29/07
CORONAVÍRUS

Virou moda: Coxim quer mais doses para vacinar toda população

Depois de campanha #VacinaGeralMS, agora é a vez de cidades do Estado tentarem ganhar mais imunizantes

13 junho 2021 - 08h10Por Vinícius Squinelo

Após a fracassada campanha Vacina Geral MS, municípios de Mato Grosso do Sul já estão puxando a fila de olho nas doses da Janssen que devem chegar ao Estado nesta semana. Coxim, por exemplo, já até lançou uma campanha semelhante, tentando receber 20 mil unidades do imunizante.

MS vai receber cerca de 150 mil doses da vacina da Janssen, que é de dose única. Este é o primeiro lote que chega ao Brasil, e o Estado tentou receber 3 milhões de doses para imunizar toda a população, mas não deu certo. A ideia agora é emulada pela cidade do Norte do Estado.

O prefeito de Coxim, Edilson Magro (DEM), pediu ao governo do Estado 20 mil doses de vacinas da Janssen para a cidade. A solicitação foi protocolada na sexta-feira (11). Caso a secretaria de Estado de Saúde atenda ao pedido, Coxim vai conseguir imunizar praticamente todas as pessoas maiores de 18 anos até o final de junho.

Segundo o prefeito, o pedido foi acompanhado de um panorama do Coronavírus (Covid-19) em Coxim e, consequentemente, das dificuldades que o município tem de cercar os casos da doença, por ser polo e receber diariamente pessoas das outras cidades da região norte de Mato Grosso do Sul.

As vacinas da Janssen, que é um braço farmacêutico da Johnsonamp&Johnson, imunizam com apenas uma dose. Na terça-feira (15) chega o primeiro lote ao Brasil e nas horas seguintes deve ser distribuído aos Estados. A previsão é que Mato Grosso do Sul receba 150 mil doses. Caso Coxim receba as 20 mil doses a secretaria Municipal de Saúde vai ter de montar uma força tarefa, pois o lote vence no dia 27.

De acordo com o vacinômetro da Prefeitura, Coxim já aplicou a primeira dose em mais de 37% da população, que é de 33.459 pessoas. O município recebeu 16.912 (8.780 de Oxford/Astrazeneca e 7.250 de Coronavac). Com a segunda dose foram imunizadas 3.566 pessoas. A última campanha já deu início a vacinação de quem tem 50 anos ou mais.

(com informações do Edição MS)