TJMS SETEMBRO e outubro
Menu
segunda, 18 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
senar 18/10 a 21/10
Cultura

Fundação de Cultura inicia inventário de acervo histórico em Corumbá e mais sete cidades

Patrimônio

18 outubro 2013 - 19h55Por Redação

Nas próximas três semanas, a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS) vai iniciar o trabalho de levantamento dos acervos históricos em mais oito municípios sul-mato-grossenses. Trata-se de mais uma etapa do “Inventário dos Acervos Documentais da História dos Municípios e do Estado de Mato Grosso do Sul”.

 

O projeto é realizado por meio do Arquivo Público Estadual. De 21 a 25 de outubro serão visitadas as cidades de Aquidauana, Miranda e Corumbá. No início de novembro, os técnicos da FCMS passarão por Bonito, Bela Vista, São Gabriel do Oeste, Rio Verde e Coxim.

 

De acordo com Lira Dequech, historiadora e coordenadora do Arquivo Público Estadual, o objetivo do projeto é registrar, por meio de inventário, todo tipo de documentação referente aos municípios e distritos de Mato Grosso do Sul – desde a fundação da primeira Vila, incluindo documentos das gestões atuais considerados de conteúdo histórico. “Nossa intenção também é estimular a adoção de políticas de preservação dos bens patrimoniais, como a criação de Arquivos Municipais ou outro equipamento cultural cabível, bem como a produção historiográfica regional”, explica.

 

Divulgação - Após a realização do levantamento e registro da documentação encontrada em todas as cidades de MS, será feita a publicação de um inventário. Na ocasião das visitas serão realizados levantamentos, reuniões e treinamentos em instituições públicas do município, como a Secretaria Municipal de Cultura, Secretaria Municipal de Administração, Câmara Municipal, Centros de Documentação, além de acervos privados. O processo é acompanhado por Lira e pela historiadora Áurea Coeli, do Arquivo Público Estadual.

 

De março deste ano, até o momento, cinco municípios do Estado já foram visitados pelo Arquivo Público Estadual. Após a realização do levantamento e registro da documentação encontrada em todas as cidades de MS, será feita a publicação de um inventário, no formato de catálogo. Os documentos ficarão disponíveis à população e a responsabilidade de guarda assumirá um peso maior, garantindo elementos para a adesão a uma política de preservação dos acervos.

Leia Também

Movimentação em delegacia indica avanço na apuração da morte de Márcia Lugo
Polícia
Movimentação em delegacia indica avanço na apuração da morte de Márcia Lugo
Deputado Rinaldo celebra Dia dos Professores com ações efetivas na comunidade escolar
Cidades
Deputado Rinaldo celebra Dia dos Professores com ações efetivas na comunidade escolar
Moradora completa 72 horas sem energia no Zé Pereira: 'tudo azedou na geladeira'
Campo Grande
Moradora completa 72 horas sem energia no Zé Pereira: 'tudo azedou na geladeira'
Homem sobe em telhado para consertar estragos, cai e morre no Parque do Lageado
Campo Grande
Homem sobe em telhado para consertar estragos, cai e morre no Parque do Lageado