Menu
segunda, 23 de novembro de 2020
Economia

ANP revela que só é vantajoso abastecer com etanol em Campo Grande

Pesquisa Etanol

05 março 2014 - 20h00Por Aline Oliveira

Entre os dias 23 de fevereiro e 1º de março, a Agência Nacional de Petróleo (ANP) realizou um levantamento de preços do etanol em oito das maiores cidades de Mato Grosso do Sul, comprovando que nos locais pesquisados só é vantajoso abastecer com álcool em Campo Grande.

 

Segundo a ANP, na Capital do Estado o valor médio do litro do biocombustível no período pesquisado, R$ 2,128, foi equivalente a 69,90%, do preço médio do litro do combustível fóssil, R$ 3,044. Em razão da diferença de poder calorífico dos combustíveis, o uso de etanol é vantajoso nos motores flex somente se o preço do seu litro estiver abaixo de 70% do valor do litro da gasolina.

 

Nas outras sete cidades pesquisadas no estado pela ANP: Corumbá, Coxim, Dourados, Nova Andradina, Paranaíba, Ponta Porã e Três Lagoas, o valor médio do litro do etanol hidratado nos postos de combustível neste período sempre esteve acima do percentual de 70% do preço da gasolina.

 

Quando a ANP contabilizou os dados de todos os municípios pesquisados em Mato Grosso do Sul, o valor médio do litro do etanol nesta última semana de fevereiro e início de março, ficou em R$ 2,203, o que representou 70,81%, do preço médio da gasolina, R$ 3,111, o que significa que no estado, de modo geral, não é competitivo abastecer os veículos flex com etanol.

 

Fonte: G1

Leia Também

Homem negro compra mochila e é acusado de furto em loja no RJ
Geral
Homem negro compra mochila e é acusado de furto em loja no RJ
Sem luz há 21 dias, moradores do AP sofrem prejuízos de forte temporal
Geral
Sem luz há 21 dias, moradores do AP sofrem prejuízos de forte temporal
Comerciantes das Moreninhas ganham curso de finanças gratuito
Economia
Comerciantes das Moreninhas ganham curso de finanças gratuito
Em fim de semana agitado, Detran-MS realiza mais de 600 testes de bafômetro na Capital
Cidades
Em fim de semana agitado, Detran-MS realiza mais de 600 testes de bafômetro na Capital