Menu
quarta, 27 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
Economia

Confiança na indústria recua no primeiro mês do ano

Índice

29 janeiro 2014 - 09h46Por Redação

O Índice de Confiança da Indústria recuou 0,4% entre dezembro e janeiro, passando de 99,9 para 99,5 pontos, segundo a Fundação Getulio Vargas. Essa queda foi puxada pela piora do índice de expectativas, que recuou 1,9%, chegando ao patamar de 98,1 pontos.

O índice que mede situação atual avançou 1,2%, para 100,9 pontos, o maior patamar desde julho do ano passado. Quanto ao nível de utilização da capacidade instalada, houve aumento de 0,3 ponto percentual, para 84,6%.

O quesito que mede o grau de satisfação com a situação atual dos negócios exerceu a maior influência na alta do índice da situação atual: houve avanço de 3,4% em relação a dezembro, para 106,6 pontos, o maior patamar desde junho de 2013. A proporção de empresas que avaliam a situação dos negócios como boa aumentou de 15,4% para 17,7%, enquanto a parcela das que a avaliam como fraca caiu de 12,3% para 11,1%.

Após três meses em alta, o indicador sobre emprego previsto recuou 5,4% em janeiro, atingindo 104,3 pontos, o nível mais baixo desde setembro do ano passado. Foi registrada diminuição na proporção de empresas prevendo ampliação no total de pessoal ocupado nos três meses seguintes, de 21,9% para 18,1%; e aumento da parcela das que preveem diminuição, de 11,7% para 13,8%.

Leia Também

Autor de Vale Tudo: Gilberto Braga morre aos 75 anos
Geral
Autor de Vale Tudo: Gilberto Braga morre aos 75 anos
Multidão aglomera em funerária na espera de ressurreição de pastor
Geral
Multidão aglomera em funerária na espera de ressurreição de pastor
CPI aprova relatório final e acusa Bolsonaro de nove crimes
Política
CPI aprova relatório final e acusa Bolsonaro de nove crimes
Mãe que deixou filha ser abusada por padrasto tem pena reduzida em Nova Alvorada do Sul
Interior
Mãe que deixou filha ser abusada por padrasto tem pena reduzida em Nova Alvorada do Sul