Menu
segunda, 23 de novembro de 2020
Economia

Dilma defende desoneração fiscal para alguns setores da economia

Dilma

20 novembro 2013 - 12h42Por Agência Brasil

A presidente Dilma Rousseff defendeu hoje (20), as desonerações fiscais para alguns setores da economia que, a seu ver, melhora a vida das pessoas e estimula a produtividade e a competitividade. A presidenta destacou que a “eliminação” da incidência do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) sobre bens de capital e materiais de construção viabilizaram investimentos e a construção de moradias. “Reduzimos em R$ 44,5 bilhões o que o Brasil pagava de imposto em 2012”, destacou Dilma ao comentar a saúde financeira do Estado.

Nas entrevistas, Dilma também comentou sua expectativa quanto ao Portal Empresa Simples, lançado ontem em Campinas. Ela ressaltou que o objetivo é desburocratizar a relação do Estado com as micro e pequenas empresas, reduzindo as exigências tornando-as “mais racionais”. 

Ela ressaltou que o governo quer reduzir para cinco dias o prazo total que o dono do negócio terá para abrir sua empresa. “É importante que se diga que 95% das empresas que abrem seu pequeno negócio podemos perfeitamente fazer essa abertura de empresa em cinco dias”.

Leia Também

Homem negro compra mochila e é acusado de furto em loja no RJ
Geral
Homem negro compra mochila e é acusado de furto em loja no RJ
Sem luz há 21 dias, moradores do AP sofrem prejuízos de forte temporal
Geral
Sem luz há 21 dias, moradores do AP sofrem prejuízos de forte temporal
Comerciantes das Moreninhas ganham curso de finanças gratuito
Economia
Comerciantes das Moreninhas ganham curso de finanças gratuito
Em fim de semana agitado, Detran-MS realiza mais de 600 testes de bafômetro na Capital
Cidades
Em fim de semana agitado, Detran-MS realiza mais de 600 testes de bafômetro na Capital