(67) 99826-0686
IPVA

Economia norte-americana corre risco de sofrer rebaixamento na classificação de risco

Restrições

15 OUT 2013
Aline Oliveira
20h00min
Divulgação

O governo dos EUA tem prazo até 17 de outubro para elevar o teto da dívida americana, controlando assim o limite de endividamento do país e mantendo a confiança no dólar, que é uma moeda de reserva legal mundial.

 

A Agência de classificação de risco de crédito Fitch Ratings anunciou que irá revisar a situação norte-americana com possibilidade de rebaixar a pontuação do país. A Fitch informou que espera resolver a revisão negativa até o fim do primeiro trimestre de 2014, mas reforçou que isso vai depender dos próximos acontecimentos e da duração de um acordo sobre o teto da dívida norte-americana.

 

De acordo com o relatório divulgado pela agência, apesar de continuar acreditando na definição sobre o teto da dívida, as disputas políticas e flexibilidade financeira reduzida podem aumento o risco de um default.

 

"No caso de um acordo para elevar o teto da dívida e resolver a paralisação, o que a Fitch espera que aconteça, a revisão do Rating levará em conta a forma e a duração do acordo e o risco de um episódio semelhante ocorrer no futuro", afirmou a agência.

Veja também