Menu
terça, 24 de novembro de 2020
Economia

Greve dos Correios termina e Sindicato denuncia retaliação contra grevistas

Greve Correios

10 outubro 2013 - 16h00Por Aline Oliveira

 

Terminou nesta quinta-feira (10), a greve geral dos Correios que paralisou as atividades durante 15 dias. A categoria foi atendida após a sessão de dissídio realizada no dia 8 de outubro, no TST (Tribunal Superior do Trabalho) em Brasília.

De acordo com o secretário-geral do Sintect (Sindicato dos Trabalhadores nos Correios, Telégrafos e Similares de Mato Grosso do Sul), Alexandre Takashi de Sá o reajuste aprovado pelos profissionais foi de 8% no salário, mais 6,25% sobre os benefícios e R$ 100 incorporados linearmente.

"Iniciamos a negociação com 7,13%, mais 15% de benefícios e R$ 200 lineares, mas acabamos por concordar com 8%, mais 6,25% de benefícios. Porém, nossa maior vitória foi a manutenção dos itens da clausula 11 que entre outras solicitações, diz respeito ao plano de saúde, que seria terceirizado conforme anúncio dos Correios", explicou Sá.

O secretário-geral do Sindicato declarou ainda que no primeiro dia de retorno ao trabalho já chegaram denúncias na entidade de que a empresa estaria promovendo uma retaliação aos trabalhadores que aderiram a greve. "A ECT vai realizar uma força-tarefa para regularizar a carga acumulada no período da paralisação e convidou os funcionários a participarem com pagamento de fim de semana remunerado, porém excluiu os grevistas da convocação", informou.

As denúncias serão levadas ao Ministério Público Estadual (MPE), a fim de impedir a retaliação feita pela empresa aos funcionários. "É incoerente a atitude dos Correios. Se o objetivo é normalizar o atendimento a população como é que vão barrar o desejo dos profissionais que se colocaram a disposição para trabalhar?", questionou.

Leia Também

Está faltando cerveja no mercado: bebida começa a faltar no Brasil
Geral
Está faltando cerveja no mercado: bebida começa a faltar no Brasil
Vendedor diz que guarda municipal faz concurso a “nível macaco” e se dá mal
Polícia
Vendedor diz que guarda municipal faz concurso a “nível macaco” e se dá mal
Senador é suspeito de estuprar jovem depois de festa em São Paulo
Política
Senador é suspeito de estuprar jovem depois de festa em São Paulo
Geraldo Resende alerta para novo aumento de casos da covid em MS
CORONAVÍRUS
Geraldo Resende alerta para novo aumento de casos da covid em MS