Menu
Busca segunda, 03 de agosto de 2020
Linha de frente - compet
Economia

Grupo coreano LG aumenta expansão industrial no setor agrícola

Agronegócios

14 outubro 2013 - 19h45Por Aline Oliveira

O grupo multinacional LG irá expandir as atividades para o setor agrícola. A aposta da empresa coreana será a entrada no mercado de agroquímicos e defensivos biológicos. A Corporação teve início na Coréia do Sul em 1947 e na atualidade trabalha nos segmentos de química, energia, maquinaria, metais, finanças e serviços, com faturamento de US$ 135,229 bilhões em 2012.

Segundo informações da assessoria, o grupo já vem investindo no agronegócio por meio da LS Tractor, uma das empresas incorporadas a marca LG. Na semana passada foi inaugurada a primeira fábrica de tratores fora do continente asiático, na cidade de Guaruva (SC). No planejamento estratégico da empresa está o desenvolvimento global de produtos e tecnologias com o objetivo de sustentar a ampliação de negócios do grupo.

A LG opera 27 centros de Pesquisa e Desenvolvimento em países como: Coréia, EUA, China, Rússia, Alemanha, França, Japão, Índia e Brasil. Em território nacional a empresa possui complexos industriais em Manaus (AM) e Taubaté (SP), além de um escritório central e centro de pesquisa e desenvolvimento na cidade de São Paulo.

Na área de químicos fazem parte do grupo empresas como LG Chem, SEETEC, LG Household&Health Care e LG Lie Sciences.

Leia Também

Blitze reduz acidentes de trânsito e ajudam Santa Casa a tratar doentes da covid
Cidade Morena
Blitze reduz acidentes de trânsito e ajudam Santa Casa a tratar doentes da covid
Blitz apreende 120 carros e reduz criminalidade e violência doméstica em Campo Grande
Cidade Morena
Blitz apreende 120 carros e reduz criminalidade e violência doméstica em Campo Grande
SEGURANÇA: maioria acredita que aulas presenciais devem voltar só em 2021
Cidades
SEGURANÇA: maioria acredita que aulas presenciais devem voltar só em 2021
Comerciantes querem flexibilização do comércio em Aquidauana
Interior
Comerciantes querem flexibilização do comércio em Aquidauana