TCE SETEMBRO
Menu
sexta, 24 de setembro de 2021 Campo Grande/MS
Economia

Preparados? Conta de luz deve subir 15% a partir de julho

Conta terá reajuste da bandeira vermelha

22 junho 2021 - 08h50Por Nathalia Pelzl

Diante da crise hídrica, o valor cobrado na bandeira vermelha 2, deve subir mais de 60%, de acordo especialistas. Com isso, a conta de luz pode ficar pelo menos 15% mais cara a partir de julho.

A estimativa é do economista André Braz, coordenador de índices de preços da Fundação Getulio Vargas (FGV), que avalia ainda que esse custo maior da energia elétrica pode provocar um aumento de 0,60 ponto percentual na inflação mensal.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai aumentar os valores das bandeiras tarifárias, a taxa extra que é acionada quando o custo da geração de energia sobe, o que está acontecendo neste ano por causa da crise nos reservatórios das hidrelétricas, conforme noticiou a Agência O Globo.

Os custos estão sendo calculados, e os novos valores devem ser anunciados ainda neste mês, para serem adotados a partir de julho.

Taxa extra até novembro

Hoje, são cobrados R$ 1,34 a cada cem quilowatts-hora (kWh) consumidos na bandeira amarela; R$ 4,16 na bandeira vermelha 1 e R$ 6,24 na vermelha 2.

Na bandeira verde não há cobrança adicional. Pelos cálculos conduzidos pela Aneel, o novo valor da bandeira vermelha 2 deve ser de cerca de R$ 10.
 

Leia Também

Mulher é avisada por desconhecido que irmão foi morto e jogado em rodovia de Ponta Porã
Interior
Mulher é avisada por desconhecido que irmão foi morto e jogado em rodovia de Ponta Porã
Casal come bombom envenenado e ex-mulher do noivo é suspeita em MG
Geral
Casal come bombom envenenado e ex-mulher do noivo é suspeita em MG
Caravana da Saúde prevê realizar 70 mil cirurgias e 33 mil exames
Saúde
Caravana da Saúde prevê realizar 70 mil cirurgias e 33 mil exames
Honestidade: garçom encontra mochila recheada de dinheiro e devolve a dono
Geral
Honestidade: garçom encontra mochila recheada de dinheiro e devolve a dono