Menu
sexta, 30 de outubro de 2020
Economia

Produção da avicultura brasileira registra crescimento de 2,6% para 2014

Agronegócios

16 dezembro 2013 - 17h12Por Valor Econômico

O governo federal divulgou nesta segunda-feira (16), uma projeção sobre a perspectiva das exportações na avicultura brasileira em 2014, sendo que neste ano, foram comercializadas 4,082 milhões de toneladas, rendendo US$ 8,58 bilhões.

 

De janeiro a novembro, as vendas chegaram a 3,735 milhões de toneladas, uma queda de 1,1% sobre igual intervalo de 2012, e representaram US$ 7,88 bilhões, alta de 3,9%. Os números incluem as exportações de frango, ovos, perus, patos e marrecos, pintos e ovos férteis.

 

Segundo a Ubabef (União Brasileira de Avicultura), houve no período retração significativa na receita dos embarques de ovos e de carne de peru, “minimizados no saldo geral pelo bom desempenho das exportações de carne de frango e material genético”.

 

“Especialmente em ovos, fomos fortemente influenciados por problemas burocráticos, que suspenderam as exportações para Angola, principal importador do segmento brasileiro, além do aquecimento registrado no mercado interno.  O crescimento em volume das exportações de material genético e o bom desempenho das exportações de carne de frango garantiram o saldo geral positivo para a avicultura”, afirma Francisco Turra, presidente da Ubabef, em comunicado.

 

Fonte: Valor Econômico

Leia Também

Grafite em forma de vagina em fachada de sex shop vira caso de polícia
Interior
Grafite em forma de vagina em fachada de sex shop vira caso de polícia
Professor universitário, advogado preso com vídeos de pedofilia diz que era pesquisa para TCC
Polícia
Professor universitário, advogado preso com vídeos de pedofilia diz que era pesquisa para TCC
Bolsonaro pede desculpas após 'zoa' refrigerante rosa e alega 'maldade' em críticas
Política
Bolsonaro pede desculpas após 'zoa' refrigerante rosa e alega 'maldade' em críticas
Homem cai durante poda de árvore e morre no Lageado
Cidades
Homem cai durante poda de árvore e morre no Lageado