Menu
quarta, 21 de outubro de 2020
Entrevistas

Membro da maior associação de consultores de imagem do mundo, Adriana Estivalet escolheu Campo Grand

Estilo e imagem pessoal

15 fevereiro 2014 - 10h23Por Renan Gonzaga

Adriana Estivalet é consultora de imagem pessoal e corporativa, uma carioca que, há 20 anos, elegeu Campo Grande como lugar para morar e crescer. É forma em Direito pela Universidade Católica Dom Bosco, e chegou a trabalhar na área por alguns anos, até descobrir a consultoria de imagem. Se tornou membro da Association of Image Consultants International (AICI), a maior associação de consultores de imagem do mundo, em New York City. Colabora com diversos meios de comunicação de circulação nacional e local como Revista Manequim da Ed. Abril, a Revista Bons Fluídos, a Revista Uma, a Revista Moda Moldes e a Revista Mood Life. Coopera também em sites como o Portal de Moda (Terra), Vírgula (UOL), Portal R7 (Record) e Bolsa de Mulher. Na vida amorosa, se casou com o famoso e conceituado publicitário Henrique de Medeiros, que segundo ela é um excelente companheiro. Veja a entrevista na íntegra:


TOPMÍDIA NEWS: Quando você começou a se interessar por moda?

ADRIANA ESTIVALET: Na verdade sempre gostei de moda, as amigas sempre solicitavam dicas e resolvi pesquisar que tipos de trabalho havia na área. Foi aí que encontrei a consultoria de imagem, que estava começando a ter um espaço mais importante no Brasil na época. Procurei os melhores cursos e profissionais da área para minha formação e faço parte da AICI (Association of Image Consultants International). O que mais gosto neste trabalho é que, além de moda, trabalho muito com comunicação verbal, não verbal e comportamento.


TOPMÍDIA NEWS: Por que existem tantos termos no mercado, como personal stylist e consultora de estilo? Qual a diferença deles?

ADRIANA ESTIVALET: O mercado de moda expandiu-se muito nos últimos anos, o que gerou a necessidade de uma expertise por parte dos profissionais. Isso abriu um campo de trabalho enorme em vários segmentos e há várias especializações, hoje, que a maioria das pessoas confunde. Há profissionais na área de criação, como os estilistas, no mercado e negócios de moda; jornalismo de moda, stylists. Basicamente um estilista cria a roupa que será comercializada; quem trabalha com negócios de moda tem foco em como esse produto criado será comercializado e quais serão as próximas tendências; um stylist pode trabalhar montando looks para clientes particulares, desfiles, editoriais e há mais especializações. O consultor de imagem trabalha com toda a informação desses profissionais para aplicar ao seu cliente - seja individual ou corporativo - agregando valor através da forma como esse cliente está se comunicando visualmente (aparência) e comportamentalmente (gestos e posturas). Muitas pessoas confundem o meu trabalho com o de um estilista, mas não crio roupas, nessa área de atendimento eu procuro modelos adequados para valorizar meus clientes.

TOPMÍDIA NEWS: Como desenvolve seu trabalho com imagem pessoal?

ADRIANA ESTIVALET: Todos nós impactamos as pessoas com quem nos relacionamos diariamente por meio da nossa aparência e nosso comportamento. Ao olhar alguém pela primeira vez, fazemos um prejulgamento em menos de dez segundos, o cérebro trabalha rápido, e essa impressão pode ser verdadeira ou não, e o ideal é que seja. Na consultoria pessoal, trabalho o que as pessoas têm de melhor para mostrar através da sua estética, seu jeito de vestir e comportamento. Para isso, é necessária profunda análise do tipo físico, estilo pessoal, estilo de vida, profissão, comportamentos ao comunicar-se com as outras pessoas. Após esta fase, desenvolvo um projeto de imagem sob medida, visando sempre uma identidade real e tangível.


TOPMÍDIA NEWS: Como é seu trabalho com imagem corporativa?

ADRIANA ESTIVALET: Na consultoria corporativa trabalho a imagem da equipe por meio do dress code (código de vestimenta) profissional, uniformização e comportamento através da etiqueta empresarial. Uma empresa não é somente o seu espaço físico, produtos ou serviços que comercializa, mas é principalmente a sua a equipe. A equipe é responsável pela imagem que a empresa projeta no mercado por meio da sua aparência e a forma como trata seus clientes e parceiros. Para gerar um impacto positivo por meio da equipe são necessários treinamentos constantes que ministro “in company”, e a confecção de manuais de aparência e comportamento empresarial.


TOPMÍDIA NEWS: Quais foram os principais desafios da sua carreira?

ADRIANA ESTIVALET: Abrir o mercado na minha área em Campo Grande foi sem dúvida desafiador, apesar de haver excelentes profissionais na área de moda, embora não especificamente em imagem pessoal e corporativa. A falta de informação sobre este trabalho foi um grande empecilho, por isso tive que trabalhar muito tempo em São Paulo até que o mercado local ficasse aquecido. Enquanto isso, procurei através dos meios de comunicação locais expor o que era a consultoria de imagem e a sua importância.


TOPMÍDIA NEWS: E os melhores momentos?

ADRIANA ESTIVALET: Tive e ainda tenho muitos. O melhor momento é ver que um(a) cliente descobriu seu potencial e sua autoestima ficou elevada; que uma empresa incorporou a política de vestimenta e comportamento profissional e adotou a excelência no atendimento. É isso, ver resultados duradouros.


TOPMÍDIA NEWS: Quais são as inspirações no seu trabalho? Algum estilista ou marca?

ADRIANA ESTIVALET: As pessoas são minha maior inspiração. Quando vejo alguém, percebo o seu jeito de vestir, sua estética, seu gestual. Cada estilista tem a “pegada” de criação que se encaixa perfeitamente em alguém. Para mim, todos são inspiradores, porque criam algo que vai ficar maravilhoso em um(a) cliente. Mas procuro estar sempre antenada com o que acontece em termos de tendência, viajo bastante fazendo cursos e me aprimorando, ou seja, inspiração constante.


TOPMÍDIA NEWS: Mato Grosso do Sul tem um cantinho especial no seu coração? O que você sente pelo Estado?

ADRIANA ESTIVALET: Essa é a terra que escolhi para viver, vi crescer e tenho um monte de planos por aqui. Nosso estado tem muito potencial a ser trabalhado e quero contribuir para isso, principalmente na área corporativa.


TOPMÍDIA NEWS: Quais foram suas melhores viagens profissionais?

ADRIANA ESTIVALET: Não importa onde se faz um curso ou se aprende ou acompanha tendências, se em São Paulo, Londres, Milão ou atendendo a um cliente no interior. São sempre aquelas viagens em que trago muitas informações boas, pois aprendo com os clientes também, e pessoas que me recebem bem.


TOPMÍDIA NEWS: Você já trabalhou com artistas famosos? Tem alguma história interessante com eles?

ADRIANA ESTIVALET: Alguns, principalmente quando colaborei com a Ed. Abril e produção de moda para revistas com artistas locais. A maioria é muito profissional e focada no trabalho; há algumas histórias, mas meu trabalho é baseado no sigilo.


TOPMÍDIA NEWS: Quanto é o investimento médio para se ter uma consultoria de imagem?

ADRIANA ESTIVALET: Vai depender da formação e experiência do consultor e dos serviços necessários para a realização do projeto de imagem proposto. Percebo que as pessoas têm em mente que este seja um serviço demasiadamente caro, o que não é. Além disso, o(a) cliente pode ir adquirindo os serviços separadamente até completar toda a consultoria, conforme a disponibilidade de orçamento. Com as empresas ocorre o mesmo: Primeiro ela pode adquirir desde um serviço de desenvolvimento de política de vestimenta para a equipe, até posteriormente um serviço de treinamento em etiqueta empresarial, ou vice-versa.


TOPMÍDIA NEWS: Qual sua opinião sobre as "mulheres escravas da moda"?

ADRIANA ESTIVALET: Acho que ficam sem estilo pessoal, sem identidade, sem marca registrada. Sempre tento passar para as minhas clientes que, a cada lançamento de estação, temos que incorporar aquilo que vai valorizar o nosso tipo físico, o que traduz nosso estilo e o que cabe no nosso bolso sem stress.

TOPMÍDIA NEWS: Para finalizar, que conselhos você daria aos estudantes de moda e profissionais que estão começando agora?

ADRIANA ESTIVALET: Percebo muitas pessoas apaixonadas por moda, mas que, muitas vezes, entram em um curso sem saber com o que vão trabalhar exatamente. É importante conhecer, primeiro, todo o mercado com suas particularidades e funções dentro desse enorme universo. Há áreas de criação, tendências, negócios, comunicação, consultoria... enfim, verificar em qual desses segmentos deseja direcionar o seu trabalho.

 

Leia Também

Filha comemora aniversário com foto em tamanho real do pai, morto há um ano
Geral
Filha comemora aniversário com foto em tamanho real do pai, morto há um ano
VÍDEO: menino de 2 anos tem pescoço amarrado com coleira por tio-avô em Chapadão do Sul
Foi preso
VÍDEO: menino de 2 anos tem pescoço amarrado com coleira por tio-avô em Chapadão do Sul
No horário eleitoral noturno, candidatos falam de infraestrutura e educação infantil
Cidade Morena
No horário eleitoral noturno, candidatos falam de infraestrutura e educação infantil
Brasil tem 661 mortes por covid em 24h e total se aproxima de 155 mil
Geral
Brasil tem 661 mortes por covid em 24h e total se aproxima de 155 mil