Menu
quinta, 22 de outubro de 2020
Geral

Acolhimento psicológico via telefone da Cassems é gratuito e sigiloso

Serviço atende beneficiários da Caixa que estiverem fragilizados na pandemia

08 maio 2020 - 20h08


A Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems) lançou o serviço de acolhimento psicológico, via telefone, para beneficiários e colaboradores de todo o estado. O canal funciona por meio do telefone (67) 4001-6919, de segunda à sexta-feira, das 7h às 22h. O serviço é gratuito para usuários do plano de saúde e com a garantia de sigilo das informações.

Conforme a coordenadora de Psicologia da Cassems, Claudia Szukala, o plano de saúde preocupa-se com a saúde física e mental.

''A Caixa dos Servidores sempre pensa no seu beneficiário como todo e, por isso, disponibilizamos um canal de atendimento psicológico onde qualquer beneficiário ou colaborador, de onde quer que ele esteja no estado, pode acessar de imediato uma pessoa para conversar. Do outro lado da linha, estarão psicólogos com muita experiência e prontos para ter uma escuta especializada para o que aquele indivíduo precisa no momento''

A psicóloga Danielle Omine atende aos beneficiários por telefone e relata a sua experiência. 

''No canal de acolhimento psicológico tenho atendido pessoas que relatam suas preocupações e medos diante do cenário em que estamos vivendo. Quando conseguimos expressar em palavras e direcionamos essa fala à um profissional com a escuta qualificada, os sintomas de ansiedade, angústia, irritabilidade, inquietação podem dar lugar à outras possibilidades de nos posicionarmos em nossas vidas''.

Omine explica ainda, que os beneficiários que buscarem o serviço serão atendidos com segurança e profissionalismo.

''Estamos aqui para escutá-los, acolhê-los e proporcionar os encaminhamentos que forem necessários dentro de nossa rede de atendimento. Assim, juntos, poderemos passar por esse momento tão instável e preocupante que estamos vivendo''.

O profissional da Psicologia, Walkes Jacques Vargas, salienta que as mudanças na rotina decorrentes da pandemia podem trazer sofrimento para algumas pessoas e, por isso, é importante buscar uma escuta qualificada. “Precisamos estar atentos aos sinais corporais e mentais do nosso corpo, pois o organismo dá sinais quando precisamos ser olhados e cuidados”.

De acordo com Vargas, o canal de atendimento não oferece um tratamento clínico, mas uma oportunidade de acolhimento psicológico. “Atuar neste canal tem sido uma experiência muito rica. Nós acolhemos aos beneficiários e, quando necessário, realizamos o encaminhamento para um tratamento prolongado. Essa é mais uma alternativa de atendimento para os usuários do plano de saúde não ficarem desassistidos durante esse período”.

Serviço: O canal funciona por meio do telefone (67) 4001-6919, de segunda à sexta-feira, das 7h às 22h. O serviço é gratuito para beneficiários e colaboradores e com a garantia de sigilo das informações.
 

Leia Também

Vítima da covid-19, adolescente de 15 anos pode ter desenvolvido síndrome rara
CORONAVÍRUS
Vítima da covid-19, adolescente de 15 anos pode ter desenvolvido síndrome rara
Em Campo Grande, terminais voltam a funcionar em horário normal
Cidade Morena
Em Campo Grande, terminais voltam a funcionar em horário normal
Projeto prevê acesso sem burocracia a artistas da cultura em MS
Política
Projeto prevê acesso sem burocracia a artistas da cultura em MS
Ex-marido ameaça matar mulher por tentar aproximação com filho no Jardim Centenário
Polícia
Ex-marido ameaça matar mulher por tentar aproximação com filho no Jardim Centenário