Menu
segunda, 30 de novembro de 2020
Geral

Bolsonaro desiste de decreto que sugeria privatização do SUS

Presidente disse que proposta foi criticada na mídia

28 outubro 2020 - 17h18Por Thiago de Souza

O presidente Jair Bolsonaro teria desistido de assinar decreto que autoriza estudos sobre a participação de empresas privadas no Sistema Único de Saúde. A informação foi obtida nesta quarta-feira (28). 

Conforme a CNN Brasil, o presidente disse que a intenção era permitir que pacientes pudessem ser atendidos em hospitais privados nas cidades em que os postos de saúde não conseguem atender à demanda. 

Bolsonaro disse que decidiu revogar o decreto após a repercussão negativa da medida. O presidente criticou as avaliações de que os estudos poderiam resultar em um tipo de “privatização” do SUS, o que ele nega que pudesse ocorrer. A revogação do decreto será publicada nas próximas horas, em edição especial do Diário Oficial da União.
 

Leia Também

Hospital Regional abre processo seletivo para 80 profissionais de saúde
Oportunidades
Hospital Regional abre processo seletivo para 80 profissionais de saúde
Chuva chega, refresca calorão e derruba temperaturas em Campo Grande
Cidades
Chuva chega, refresca calorão e derruba temperaturas em Campo Grande
Corpo é encontrado com perfurações e carbonizado em Aral Moreira
Polícia
Corpo é encontrado com perfurações e carbonizado em Aral Moreira
Economia de R$ 200 mi: Cassems ativa usina fotovoltaica e vai abastecer unidades em MS
Cidades
Economia de R$ 200 mi: Cassems ativa usina fotovoltaica e vai abastecer unidades em MS