Tribunal de Contas
(67) 99826-0686
Camara - marco

Campo Grande recebe pela primeira vez a competição Moto 1000 GP

Moto GP

5 NOV 2013
Carlos Guessy
13h20min
Foto: Divulgação

A sétima etapa do Moto 1000 GP será realizada no Autódromo Internacional de Campo Grande, no dia 17 de novembro. Quem confirma a competição na Capital Morena é Gilson Scudeler, diretor do evento.

Campo Grande entra pela primeira vez no calendário de provas do Grande Prêmio, condição já atingida por São Paulo (SP), Brasília (DF), Santa Cruz do Sul (RS), Rio de Janeiro (RJ), Cascavel e Pinhais (PR).

A confirmação da inédita etapa em Campo Grande finaliza o trabalho dos organizadores do campeonato para suprir as lacunas abertas no calendário com a temporada em andamento.

“Nós definimos todas as datas do Moto 1000 GP em março, mas alguns fatores acabaram se alterando”, comento Scudeler. “Tivemos reforma de autódromo não concretizada e restrições técnicas a outra pista, então fomos atrás de novas opções”.

Várias vezes vencedor das etapas sul-mato-grossenses do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade na versão da década passada, Scudeler avalia o traçado de 3.433 metros de Campo Grande para o Moto 1000 GP.

“Tínhamos corridas bem disputadas lá, também com bastante retorno desportivo. Aquela é uma pista propícia para motovelocidade, sinuosa e com uma reta longa. Nosso campeonato preza muito pela diversificação dos tipos de pista”, destacou.

A professora Leila Machado, diretora-presidente da Fundação Municipal de Esporte de Campo Grande (Funesp), que é parceira nessa realização, disse que o evento em Campo Grande é resultado de um bom trabalho de articulação, de resultados positivos para vários setores da Capital. “Ganhamos no aspecto esportivo e de lazer. Ganhamos o cenário nacional para mostrar nossas potencialidades”, complementou.

Scudeler também destacou o aspecto comercial. “Esse é um dos focos. É uma região do país com uma grande concentração de usuários de motos premium, uma praça comercial muito boa para os nossos patrocinadores explorarem e lógico, onde haja condições de segurança para os pilotos”, finalizou.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: DivulgaçãoFoto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

Veja também