Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
ALMS
Geral

Cantora gospel morre de Covid-19 e deixa marido infectado

Ela estava internada em um hospital em São Paulo

04 junho 2020 - 09h02Por Dany Nascimento

A cantora de música gospel Fabiana Anastácio, 45 anos, morreu nesta quinta-feira (4), após  alguns dias internada em um hospital em São Paulo. Ela foi diagnosticada com Covid-19 e estava na UTI.

Conforme o G1, a notícia foi comunicada por Felipe Anastácio, irmão da cantora, nas redes sociais. "Deus decidiu levar, nossa irmã e segunda mãe (Fabiana Anastacio Nascimento) para os seus braços. Obrigado a todos pelas orações, ao longo do dia será postado mais informações", escreveu ele nesta manhã.

No noite anterior a equipe havia publicado uma nota com informações sobre o quadro de saúde da cantora.

"Ela continua na UTI do hospital aqui em Sa?o Paulo. Seu quadro geral ainda e? esta?vel mas com um pouco de dificuldade pra respirar. Lembrando que essa dificuldade tem a ver com seu peso, ou seja, a recuperac?a?o toda tem a tende?ncia de ser mais lenta por causa disso. Continuamos em orac?a?o e contando com essa corrente de orac?a?o que se espalhou pelo Brasil e outros pai?ses. Assim que tivermos mais noti?cias vamos informando por aqui, no?s cremos no milagre, se voce? tambe?m cre?, se junte a no?s!", dizia o comunicado.

Assim como a cantora, o marido, o pastor Ruben Nascimento, também foi diagnosticado com Covid-19, mas apresentou sintomas mais leves e foi liberado do hospital.

Na semana passada a família criou uma vaquinha para ajudar a custear o tratamento da cantora.

 

Leia Também

Mandetta vai analisar pandemia do coronavírus em live com vereadores de Campo Grande
Política
Mandetta vai analisar pandemia do coronavírus em live com vereadores de Campo Grande
Adolescente é espancado a pauladas por primos em Aquidauana
Interior
Adolescente é espancado a pauladas por primos em Aquidauana
Resende ameaça lockdown e diz que prefeitos devem deixar de pensar em campanha eleitoral
Saúde
Resende ameaça lockdown e diz que prefeitos devem deixar de pensar em campanha eleitoral
BARBÁRIE: policial paraguaio mata filhos de 1 e 2 anos, sogros, cunhadas e se mata
Polícia
BARBÁRIE: policial paraguaio mata filhos de 1 e 2 anos, sogros, cunhadas e se mata