TCE JUNHO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
segunda, 27 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Geral

Cometa Neowise pode ser visto nos céus e só volta daqui a 6.765 anos

Observadores poderão vê-lo a olho nu até a próxima quinta-feira

24 julho 2020 - 10h22Por Dany Nascimento

O show que o cometa C/2020 F3 (Neowise) vem dando nos céus ainda pode ser visto, mas logo deixará de ser apreciado. O ponto máximo de aproximação entre o cometa e a Terra aconteceu na madrugada de ontem (23), quando o Neowise estava a "apenas" 103,5 milhões de quilômetros de nós, mas a partir desta sexta-feira (24) ele será visível em quase todo o Brasil.

Segundo o site Olhar Digital, observadores poderão vê-lo a olho nu até a próxima quinta-feira (30). Depois disso, ele ficará mais e mais escuro à medida que se afasta da Terra. "Com binóculos ou telescópio, ainda poderemos em vê-lo por algum tempo em sua viagem para o interior do Sistema Solar", afirma Jackie Faherty, astrônoma do Museu Americano de História Natural de Nova York.

Essa é uma chance única, já que a órbita elíptica longa do Neowise só o trará de volta à vizinhança da Terra daqui a aproximadamente 6.765 anos. No  Hemisfério Sul, a cada dia, o cometa estará mais alto no céu durante o entardecer, e se aproximando da linha do horizonte com o passar do tempo.

O problema é que, na presença dos raios de sol, não é possível enxergá-lo com clareza. 

Várias são as ferramentas que podem facilitar a experiência de procurar o Neowise no céu. Entre elas, estão os clássicos binóculos, que são recomendados para que se tenha uma visão mais detalhada da cauda do cometa – especialmente em regiões urbanas, por causa da poluição causada pela luz.