Tribunal de Contas
(67) 99826-0686
Camara - marco

Corumbá pode ser incluída no calendário nacional do voo livr

Radical

24 NOV 2013
14h24min
Foto: Divulgação
Uma prova para tornar Corumbá conhecida nacionalmente como destino ideal para a prática do voo livre. Assim os organizadores do Pantanal Extremo - Jogos de Aventura encaram as disputas no morro da Tromba dos Macacos. Na sexta-feira e no sábado, a competição reuniu em torno de 60 atletas que decolaram de parapente e asa delta, a 680 metros de altura.
 
 
De acordo com o presidente da Federação Sul-Mato-Grossense de Voo Livre, Flávio de Barros, a região tem grande potencial para ser incluída no calendário nacional de provas, pois oferece condições favoráveis à prática do esporte. "Essa prova é de repercussão nacional, tem tudo para se tornar um evento anual."
 
 
A formação dos morros é de minério de ferro, o que potencializa as termais, que são o combustível para os voadores. Quem também reconhece os atributos do pantanal sul-mato-grossense como destino de esportes radicais é o recordista mundial de voo livre em distância, Dudu Jacintho. Em outubro deste ano, o atleta percorreu 530 km decolando a pé de uma montanha na Paraíba, e atravessou três estados do Nordeste em uma asa delta até pousar no Ceará.

Veja também