Menu
terça, 11 de agosto de 2020
Geral

Com aprovação do projeto Refis, o prazo para parcelamento da dívida passou de 36 para 48 meses

Refis

08 novembro 2013 - 08h10Por Lorrayne Kasi e Schimene Weber

Empresários de Mato Grosso do Sul terão a partir de agora um prazo maior para quitar a dívida fiscal com o governo do Estado, que está estimada no valor de R$ 4.7 bilhões.

Nesta quinta-feira (7), deputados da Assembléia Legislativa aprovaram o Projeto Refis (Programa de Recuperação Fiscal das Atividades Produtivas), e também a emenda que altera o prazo da parcela para quitar os débitos do setor empresarial.A votação foi feita em regime de urgência, já que a negociação vai até o dia 31 de dezembro. A emenda foi assinada pelos 24 deputados. 


Antes, o prazo para parcelamento era de  36 meses,  com aprovação da emenda o número de parcelas possíveis passa para 48. O Banco do Brasil autorizou que os empresários façam a partir do 1° pagamento.

O Projeto foi elaborado pelo governo e por empresários, e tem o objetivo de parcelar a dívida. A medida beneficiará os contribuintes do Simples Nacional. "O projeto beneficia não somente o Estado, mas também os empresários, já que poderão acabar com a inadimplência, e movimentara a economia, não somente da empresa, mas também do Estado",  aprova Deputado Paulo Corrêa.



Leia Também

TJ diz que recursos de reprovados em concurso da Polícia Civil viraram 'farra'
Cidades
TJ diz que recursos de reprovados em concurso da Polícia Civil viraram 'farra'
De base e oposição: políticos de MS se unem contra tratamento com ozônio no ânus
Política
De base e oposição: políticos de MS se unem contra tratamento com ozônio no ânus
Enquanto te pedem pra ficar em casa, curtem a vida na Europa e fazem academia
Tema Livre
Enquanto te pedem pra ficar em casa, curtem a vida na Europa e fazem academia
Lei municipal inclui nove serviços como essenciais e não podem parar na pandemia
Cidade Morena
Lei municipal inclui nove serviços como essenciais e não podem parar na pandemia