TCE JUNHO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
terça, 28 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Geral

Douradenses vaiam Anitta em show e Zé Neto reacende polêmica com artista (vídeo)

Cantor sertanejo até parou o show, mas logo disparou dizendo que era preciso alguém "calçar botina e entrar num curral cheio de b*sta"

21 maio 2022 - 11h25Por Vinicius Costa

A polêmica entre duas estrelas nacionais da música brasileira teve um novo episódio, dessa vez em solo sul-mato-grossense, na última quinta-feira (19). Enquanto Zé Neto e Cristiano se apresentavam na ExpoAgro, em Dourados, o público decidiu vaiar e gritar contra a cantora Anitta.

Diante da ação do público, o cantor Zé Neto decidiu 'conversar' com os fãs para que eles parassem com os gritos e ofensas, mas decidiu falar mais uma vez sobre o tema envolvendo a Lei Rouanet e a cantora, reacendendo a polêmica.

A informação das vaias foram publicadas pelo site Hugo Gloss, que informou que o público soltou a voz para gritar "Ei, Anitta! Vai tomar no c*!". Mas o cantor sertanejo rapidamente interrompeu e disse que não havia necessidade.

"Gente, não precisa. Vamos rezar por essas pessoas e pedir que Deus abra a mente delas e que elas entendam", comentou.

Mas Zé Neto teria ido além. "Que venha um dia, que um dia só na vida, calce uma botina amarela, entra num curral cheio de b*sta para separar o gado, tirar um leite, passar a peia num bezerro, passar a peia na cabeça do bezerro. E ver que a vaca não dá leite, você tem que ir lá tirar. O leite que você compra na caixinha não vem bonitinho da caixinha, alguém tirou".

Nas redes sociais, o músico tentou contornar a situação ao abrir uma caixinha de perguntas no Instagram.

A polêmica entre os dois artistas começou quando o sertanejo criticou a Lei Rouanet e deu a entender que soltou alfinetadas contra Anitta.

A tatuagem feita pela artista também teria sido alvo de críticas de Zé Neto. O cantor afirmou que não havia necessidade de fazer uma tatuagem íntima para "mostrar se estava bem ou não, apenas que canta e o Brasil inteiro canta com a gente".