Menu
Busca sábado, 30 de maio de 2020
Gov - Compre de Casa
Geral

Google deixa de oferecer no País serviço que agiliza web

Tecnologia

05 novembro 2013 - 12h51Por Folha

A consultoria norte-americana Renesys divulgou, na semana passada, um relatório em que afirma que o serviço DNS do Google "deixou o Brasil" em reação à proposta do governo de exigir que empresas de internet armazenem os dados de brasileiros no próprio país. A medida é parte do Marco Civil, em apreciação na Câmara dos Deputados.

Procurado pela reportagem da Folha de São Paulo, o Google Brasil afirma que "não há nenhuma relação entre as duas coisas (DNS e possíveis novas regulações nacionais de localização de dados)" e que se trata apenas de "uma coincidência infeliz de timing". Segundo a empresa, "a mudança de roteamento dos servidores de DNS faz parte de suas operações normais de rede".

O Google Public DNS, que era gerenciado no Brasil e passou aos Estados Unidos em 12 de setembro, foi lançado há cerca de quatro anos e supostamente agiliza o tempo gasto na conversão do endereço.

Leia Também

PÁGINA VIRADA: sem constrangimento, Willian Waack comenta protesto de negros nos EUA
Geral
PÁGINA VIRADA: sem constrangimento, Willian Waack comenta protesto de negros nos EUA
PF diz ao STF que vai ouvir Bolsonaro por causa das acusações de Moro
Geral
PF diz ao STF que vai ouvir Bolsonaro por causa das acusações de Moro
Moro sugere que Bolsonaro usou lei anticrime para proteger o filho Flávio
Cidades
Moro sugere que Bolsonaro usou lei anticrime para proteger o filho Flávio
Maia diz que Bolsonaro não 'comprou' Centrão: 'relação democrática'
Geral
Maia diz que Bolsonaro não 'comprou' Centrão: 'relação democrática'