Menu
sexta, 04 de dezembro de 2020
Geral

Greve dos petroleiros paralisa 18 das 42 plataformas da Bacia de Campos

Greve

18 outubro 2013 - 06h36Por Agência Brasil

A greve dos petroleiros, por tempo indeterminado, iniciada nas refinarias, terminais, plataformas, campos de produção e em unidades operacionais da Petrobras atinge 18 das 42 plataformas da Bacia de Campos, no norte fluminense. 

De acordo com o  e Administração da Federação Única dos Petroleiros (FUP), José Genivaldo da Silva, 18 plataformas da Bacia de Campos estão completamente paradas; 21 estão sendo operadas por grupos de contingência, formado por gerentes, supervisores e engenheiros da Petrobras, e três não aderiram ao movimento.

O sindicalista ressaltou que a greve não se deve apenas ao reajuste da categoria, quem tem data-base em setembro e ainda está em fase de negociação, mas também contra o leilão do Campo de Libra, marcado para a próxima segunda-feira (21), no Rio de Janeiro, e o Projeto de Lei 4.330, que trata da terceirização e está para ser votado na Câmara dos Deputados.

Segundo o diretor da FUP, na segunda-feira, os petroleiros estarão, desde cedo, concentrados nas proximidades do Hotel Windsor Barra, na Barra da Tijuca, onde ocorrerá o leilão. 

Leia Também

Ao comentar sobre alta na conta de luz, Bolsonaro pede banho rápido à população
Geral
Ao comentar sobre alta na conta de luz, Bolsonaro pede banho rápido à população
Arrendatários de fazenda são presos por crime ambiental e explorar trabalhadores em Nioaque
Interior
Arrendatários de fazenda são presos por crime ambiental e explorar trabalhadores em Nioaque
Blogueiro russo é suspeito de trancar mulher semi-nua no frio e transmitir morte dela ao vivo
Geral
Blogueiro russo é suspeito de trancar mulher semi-nua no frio e transmitir morte dela ao vivo
Executado no Noroeste, Edilson dos Anjos 'fez o inferno' quando cumpriu pena em Goiás
Cidade Morena
Executado no Noroeste, Edilson dos Anjos 'fez o inferno' quando cumpriu pena em Goiás