TCE JUNHO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
terça, 28 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Geral

Madrasta é acusada de matar enteados envenenados

As vítimas morreram em um intervalo de um mês

20 maio 2022 - 17h28Por Dany Nascimento

Uma mulher que reside na zona oeste do Rio de Janeiro, é suspeita de ter assassinado a enteada por envenenamento e, apenas um mês depois, ter realizado o mesmo procedimento para tentar matar seu enteado.

Segundo o site Metrópoles, Fernanda Carvalho, de 22 anos, foi internada em 15 de março com sintomas como tonteira e dificuldades para respirar. Ela permaneceu internada por 12 dias e morreu no hospital, em função de uma parada cardíaca.

O irmão da jovem, um adolescente de 16 anos, apresentou sintomas semelhantes ao dar entrada no Hospital Municipal

Albert Schweitzer, no bairro de Realengo, na zona oeste carioca.

O jovem teria relatado no momento da refeição que o feijão estava com um gosto amargo. Logo depois, acabou internado, chegou a ser intubado, mas conseguiu sobreviver.

Inicialmente, a morte de Fernanda não havia sido relacionada a um homicídio. Após a internação do irmão com sintomas semelhantes, a história virou caso de polícia e passou a ser investigada pela equipe da 33ª DP, de Realengo.