tjms 18/01 a21/01/2021
Menu
terça, 19 de janeiro de 2021
Covid 18/01 a 24/01
Geral

Menina de 13 anos é suspeita de matar o pai por ter se apaixonado por madrasta

O pai tinha tido acesso a algumas mensagens e até a uma carta que a menor teria escrito para a madrasta, diz a polícia

30 novembro 2020 - 09h58Por Diana Christie

Uma adolescente de 13 anos foi apreendida em flagrante, neste domingo (29), suspeita matar o próprio pai, de 33 anos, com uma facada no peito. Ela estaria apaixonada pela madrasta, de 20 anos, e foi repreendida pelo pai.

O crime ocorreu na casa da vítima, em Jataí, região sudoeste de Goiás. Segundo o G1, a menina foi localizada na residência onde mora com a avó, a um quarteirão de distância. O homem foi socorrido, mas morreu no hospital.

"Levantamos com a PM (Polícia Militar), que atendeu a ocorrência, e familiares que ela havia nutrido uma certa paixão pela madrasta. O pai tinha tido acesso a algumas mensagens e até a uma carta que a menor teria escrito para a madrasta. Ele conversou com ela e a repreendeu, mas a menor não teria gostado", explica o delegado Marlon Luz.

A PM disse que encontrou a infratora "sentada tranquilamente" e ela confessou o crime. A adolescente disse ainda que tomou bebidas alcoólicas para "ter coragem" de esfaquear o pai, que foi atingido quando ainda acordava.

A menina está apreendida numa cela separada da delegacia, onde pode ficar por no máximo cinco dias até que seja disponibilizada uma vaga em um centro de internação provisório.

Ela deve responder por ato infracional análogo a homicídio triplamente qualificado, por motivo fútil, dissimulação e meio que impossibilitou a defesa da vítima. Como é menor de idade, pode cumprir uma medida socioeducativa de, no máximo, três anos.