Menu
quarta, 28 de outubro de 2020
Geral

Ministério da Agricultura vai investigar 'sementes misteriosas' vindas da China

São 38 relatos de recebimento de pacotinhos junto a outras encomendas

29 setembro 2020 - 20h51Por Thiago de Souza

O Ministério da Agricultura vai investigar 36 casos de recebimentos de sementes desconhecidas, vindas da China, junto com encomendas de produtos diversos, feitas por brasileiros. 

As sementes vêm em pequenas porções e em saquinhos. As autoridades brasileiras, segundo o Metrópoles, desconhecem o conteúdo dos pacotes não solicitados. Por isso, os grãos passarão por análise técnica no Laboratório Federal de Defesa Agropecuária, localizado em Goiânia (GO).

Em nota enviada à reportagem, o MAPA pediu que os brasileiros não abram os pacotes contendo as sementes não solicitadas.

 “A importação de vegetais sem autorização pode facilitar a entrada de pragas ou doenças que não existem ou estão erradicadas no país, além de causar prejuízos econômicos”.

O Ministério pede, ainda, que não descartem o conteúdo, uma vez que a substância pode vir a contaminar o solo. A possibilidade de propagação de doenças agrícolas também não está afastada.

“Para evitar o risco fitossanitário, o Mapa atua no controle do e-commerce internacional com equipe dedicada a fiscalizar e impedir a entrada de material sem importação autorizada no país”, acrescentou.

Leia Também

Sinpol apoia combate à covid e vai fazer testes em policiais no feriadão em Bonito
Cidades
Sinpol apoia combate à covid e vai fazer testes em policiais no feriadão em Bonito
Juiz nega recurso e mantém candidatura do PCO barrada em Campo Grande
Cidade Morena
Juiz nega recurso e mantém candidatura do PCO barrada em Campo Grande
Apesar da promessa, governo diz que não tem previsão de pagar 13º do Bolsa Família
Geral
Apesar da promessa, governo diz que não tem previsão de pagar 13º do Bolsa Família
Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande
Cidade Morena
Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande