TJMS JANEIRO
Menu
domingo, 23 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Geral

MS terá primeiro curso de pós-graduação de agronomia com áreas integradas

20 dezembro 2015 - 18h34Por Fundação MS

Uma parceria entre a Fundação MS e a Universidade do Oeste Paulista (Unoeste) possibilitou a vinda do único curso de pós-graduação lato sensu em Integração Lavoura, Pecuária, Floresta (ILPF) do Brasil, para o estado de Mato Grosso do Sul.

A especialização é direcionada para profissionais graduados em Ciências Agrárias, que serão capacitados a transformar práticas agrícolas individualizadas em sistemas integrados de produção sustentável. De acordo com o Diretor-Executivo da Fundação MS, Alex Melotto, a grade será adaptada para a realidade local.

“É uma oportunidade única para os profissionais sul-mato-grossenses. Integração é a terceira revolução da agricultura brasileira, e quem não estiver capacitado vai acabar perdendo espaço no mercado”, pontuou. O curso será lançado em janeiro durante o Showtec 2016 e o início das aulas está previsto para março.

Serão 18 meses de especialização com aulas teóricas na sede da Fundação MS e visitas técnicas em áreas rurais. O corpo docente é formado por profissionais experientes na área, entre eles pesquisadores da Fundação MS, da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e professores da Unoeste.

A especialização em ILPF existe na Universidade do Oeste Paulista desde 2013 e já abriu sete turmas. Para o Coordenador do curso na instituição, Prof. Dr. Edemar Moro, a vinda da especialização para Mato Grosso do Sul vai refletir em mais eficiência no campo. “Agricultura e pecuária serão beneficiadas, com acréscimo na produção de grãos e carne de melhor qualidade”.