Menu
quarta, 25 de novembro de 2020
Geral

Preço de ingresso para final da Copa do Brasil volta a ser de R$ 250 a R$ 800

Futebol

15 novembro 2013 - 18h25Por Redação
O Tribunal de Justiça do Rio suspendeu, na manhã desta sexta-feira (15) a liminar que tinha sido obtida pelo Ministério Público para reduzir o valor dos ingressos para o segundo jogo da final da Copa do Brasil, no Maracanã, entre Flamengo e Atlético-PR. Com a nova decisão judicial, os preços passam a ser novamente de R$ 250 a R$ 800.
 
 
"A Justiça reconheceu nosso direito de praticar os preços que vínhamos praticando. As vendas continuam de vento em popa. Já vendemos mais de 40 mil ingressos", festejou o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Melo, em entrevista no início da tarde ao RJTV, da Rede Globo.
 
A decisão determinando a redução tinha sido tomada na tarde de quinta-feira pelo juiz Marcello Rubioli, do Juizado Especial do Torcedor, em atendimento parcial à liminar pedida pelo promotor do MP Paulo José Sally, da 4ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva e Defesa do Consumidor da Capital. A determinação era de que os ingressos fossem reduzidos em até 12 horas, a partir da notificação ao clube e ao consórcio responsável pelo Maracanã.
 
Por enquanto a venda é apenas para sócios-torcedores. Só no dia 23, se os ingressos não tiverem se esgotado, eles poderão ser adquiridos pelos demais torcedores.

Leia Também

Não falha uma: acusada de racismo e homofobia em padaria é apoiadora de Bolsonaro
Geral
Não falha uma: acusada de racismo e homofobia em padaria é apoiadora de Bolsonaro
Coautora: fiscal do Carrefour é presa por envolvimento em espancamento e morte de cliente
Geral
Coautora: fiscal do Carrefour é presa por envolvimento em espancamento e morte de cliente
'Alegre e amava os pais', revela prima de chargista esquartejado por massagista
Cidade Morena
'Alegre e amava os pais', revela prima de chargista esquartejado por massagista
Mudou de casa? Sanesul dá dicas de como transferir titularidade para outra residência
Cidades
Mudou de casa? Sanesul dá dicas de como transferir titularidade para outra residência