TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
sexta, 01 de julho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
Geral

PRF encerra Operação Carnaval 2017 com redução de 33% em acidentes graves em MS

Já o número de vítimas fatais aumentou de quatro pessoas no carnaval de 2016 para sete em 2017

02 março 2017 - 14h32Por PRF

Em mais de 3670 km três mil seiscentos e setenta quilômetros) de rodovias federais, a PRF desenvolveu ações de fiscalizações planejadas considerando locais com maiores incidências de acidentes e infrações graves, no período de 24 de fevereiro a 1º de março.

Ações preventivas, como abordagens educativas, foram realizadas em todas as 10 Delegacias do Estado e 6.759 pessoas foram atingidas em Educação para o trânsito. A PRF realizou fiscalização em 10.108  veículos e também a fiscalização de 10.122 pessoas.

Foram flagrados 5.435 veículos trafegando acima da velocidade máxima permitida para a via, infração considerada grave e que está entre as principais causas de acidentes graves. 6.048 testes de alcoolemia foram realizados, resultando em 98 autuações por infrações relacionadas ao consumo de álcool e 18 prisões.

Infrações relacionadas a ultrapassagens irregulares também foram altas: somente ultrapassagens “em faixa dupla” somaram 403 autuações. Não uso do cinto de segurança resultou em 195 autuações, sendo 154 pelo não uso do equipamento pelos passageiros. Transporte de crianças irregularmente somaram 40 autuações.

Acidentes

Na Operação Carnaval 2017, a Polícia Rodoviária Federal registrou redução de 33,33% no número de acidentes graves (aqueles em que há pelo menos um ferido grave ou morte). O número total de acidentes também diminuiu em 27,45%.

O número de acidentes com mortes não houve alteração. Já o número de mortos aumentou de 4 pessoas mortas no carnaval de 2016 para 7 pessoas mortas em 2017, sendo 5 pessoas em um grave acidente na BR 060, em Camapuã.

Períodos comparativos:
2016 – 05/02 a 10/02
2017 – 24/02 a 01/03
Acidentes Graves: redução de 33,33% (9 em 2016; 6 em 2017)
Acidentes Geral: redução de 27,45% (51 em 2016; 37 em 2017)
Pessoas feridas: redução de 16,67% 9 (42 em 2016; 35 em 2017)
Acidentes com mortos: não houve alteração (3 em 2016; 3 em 2017)