TCE MAIO
(67) 99826-0686
Camara Maio

Alemães admitem possibilidade de Schumacher ficar em coma irreversível

Acidente

16 JAN 2014
Schimene Weber
07h35min
Foto: Charles Platiau / Reuters

O ex-piloto de Fórmula 1, Michael Schumacher, que está internado desde o dia 29 de dezembro, pode ficar em coma irreversível, de acordo com informações da imprensa alemã.

Segundo a revista Focus, especialistas afirmam que o ex-piloto "pode ficar em coma para sempre". De acordo com o jornal britânico Daily Mail, "o silêncio de seus agentes e da equipe médica que o trata em Grénoble leva muitos a temer pelo pior".

No atual quadro, do coma induzido, o corpo de Schumacher está sujeito a vários danos diante do acidente e da internação: estresse no fígado diante do uso de anestésicos e atrofia muscular e aumento da pressão intracraniana, resultante da falta de circulação de líquido cefalorraquidiano (LCR).

Conforme informações concedidas à imprensa, a oxigenação cerebral é reduzida em estados de coma, mas os pacientes nestas condições costumam ser despertados em até duas semanas. Schumacher, porém, ainda não se recuperou o suficiente para acordar do coma, levando à especulação – entre as mais diversas teorias – de que seu cérebro estaria gravemente comprometido.

Veja também