Menu
segunda, 30 de novembro de 2020
Geral

Sinmed denuncia falta de estrutura nas unidades de saúde na Capital

Denúncia

31 outubro 2013 - 15h38Por Schimene Weber

O Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul (Sinmed-MS) recebeu nos últimos meses, inúmeras denúncias de irregularidades nos Postos de Saúde e Unidades de Pronto Atendimento da Capital. De acordo com as reclamações, faltam materiais, médicos, aparelhos e condições adequadas para atendimento.

 

Um dos mais recentes casos é da UPA do Coronel Antonino, vistoriado pelo Sinmed e apontado como problemático pela total falta de estrutura para atender as necessidades da população. A Equipe do TopMídia News conversou com o assessor de imprensa do Sindicato, Fábio Sarzi, que explicou como é feito o processo de vistoria. "O Sindicato visita todas as unidades de saúde periodicamente. Houve, nesse local específico, uma solicitação do Ministério Público Estadual para que fosse feita uma averiguação. Com isso, foi formada uma comissão que encontrou realmente, diversos problemas nas condições oferecidas", explicou.

 

Fábio ainda disse que, após a vistoria, outros postos também foram averiguados. "Como o caso do Coronel Antonino é o mais recente e mais urgente, o Sinmed encaminhou, no último dia 15, um relatório para o Ministério Público contendo as informações para que a denúncia seja melhor apurada e as devidas providências sejam tomadas".

 

Como o envio do relatório ainda é recente, o MPE ainda não enviou nenhuma resposta sobre o caso.

Leia Também

Marquinhos Trad anuncia 13º salário para 16 de dezembro
Cidade Morena
Marquinhos Trad anuncia 13º salário para 16 de dezembro
Mãe reclama de falta de vacina em posto; Sesau regulariza distribuição
Cidades
Mãe reclama de falta de vacina em posto; Sesau regulariza distribuição
Aneel recua e avia que contas de luz terão aumento já nesta terça-feira
Cidades
Aneel recua e avia que contas de luz terão aumento já nesta terça-feira
Em vez de ferroada: apicultor leva tiro na perna ao visitar colmeias em Três Lagoas
Interior
Em vez de ferroada: apicultor leva tiro na perna ao visitar colmeias em Três Lagoas