Menu
sexta, 04 de dezembro de 2020
Geral

Síria destruiu instalações de produção de armas química, diz Opaq

Armas químicas

31 outubro 2013 - 07h12Por Reuters

A Síria destruiu todas as instalações declaradas de produção de armas químicas, cumprindo uma meta fundamental de um ambicioso programa de desarmamento do país, disse o organismo internacional de fiscalização das armas químicas em um documento obtido pela reportagem.

A Organização para a Proibição de Armas Químicas (Opaq) disse no documento que suas equipes inspecionaram 21 de 23 locais de armas químicas na Síria. Os outros dois eram perigosos demais para serem inspecionados, mas equipamentos químicos já haviam sido removidos para outros locais que foram visitados pelos especialistas, segundo a Opaq.

"A Opaq está satisfeita de ter verificado, e ter visto destruídos, equipamentos de todos os 23 locais importantes de produção/mistura/preenchimento declarados", disse o documento.

Sob um acordo mediado por Rússia e Estado Unidos, o governo sírio aceitou destruir todas as suas armas químicas, após Washington ter ameaçado usar a força em resposta à morte de centenas de pessoas em um ataque com gás sarin nos arredores de Damasco em 21 de agosto.

Leia Também

Ao comentar sobre alta na conta de luz, Bolsonaro pede banho rápido à população
Geral
Ao comentar sobre alta na conta de luz, Bolsonaro pede banho rápido à população
Arrendatários de fazenda são presos por crime ambiental e explorar trabalhadores em Nioaque
Interior
Arrendatários de fazenda são presos por crime ambiental e explorar trabalhadores em Nioaque
Blogueiro russo é suspeito de trancar mulher semi-nua no frio e transmitir morte dela ao vivo
Geral
Blogueiro russo é suspeito de trancar mulher semi-nua no frio e transmitir morte dela ao vivo
Executado no Noroeste, Edilson dos Anjos 'fez o inferno' quando cumpriu pena em Goiás
Cidade Morena
Executado no Noroeste, Edilson dos Anjos 'fez o inferno' quando cumpriu pena em Goiás