TCE ABRIL 16 A 22/04
Menu
terça, 20 de abril de 2021
COVID CONFLITO
Geral

Socorrista pega covid-19 dias após tomar 2ª dose de vacina

Instituto Butantan esclareceu questões sobre o imunizante

02 março 2021 - 19h49Por Thiago de Souza

Rogério Araújo de Oliveira, 48 anos, condutor socorrista, se viu infectado pela covid-19, dias depois de tomar a segunda dose da vacina Coronavac, contra a covid-19, em Itabuna, na Bahia. 

Conforme o UOL, Rogério conta que foi o primeiro a tomar a vacina na cidade, em 19 de janeiro. A segunda dose foi aplicada em 22 de fevereiro. 

Ainda segundo o site, os sintomas apareceram cinco dias após a segunda imunização. 

‘’Os sintomas que eu tive no dia 22 foram tosse e calafrios. Quatro dias depois também perdi o olfato e o paladar. Hoje o único sintoma que tenho é o olfato e paladar, mas graças a Deus não tive falta de ar’’, detalha o socorrista. 

O Butantan explicou que a vacinação diminui o risco, mas não imuniza totalmente a pessoa. 

‘’Nenhuma vacina contra qualquer doença é 100% eficaz. É preciso algumas semanas após a aplicação da segunda dose para que seja obtida uma resposta imune maior’’, disse o órgão em nota. 

O Instituto acrescentou: 

"Algumas pessoas podem ainda ter a doença ou a infecção mesmo tendo sido vacinadas, mas poderão ter uma forma menos grave da doença em função do imunizante’’, completou.