Menu
quarta, 21 de outubro de 2020
In Memoriam

Advogado conceituado em MS morre nesta sexta-feira

OAB/MS, políticos e familiares fazem homenagem

07 agosto 2020 - 10h19Por Rayani Santa Cruz

O advogado Evandro Ferreira de Viana Bandeira morreu na madrugada desta sexta-feira (7), aos 76 anos, após sofrer um ataque cardíaco. Conceituado em Mato Grosso do Sul, Bandeira recebe homenagens de políticos, advogados, amigos e familiares.

O advogado morreu no Hospital do Coração, em Campo Grande. 

Bandeira foi secretário do prefeito Marquinhos Trad logo ao início da gestão. Ele atuou como advogado por 53 anos e era bastante respeitado entre os colegas. 

Inscrito na OAB em 1977, ainda Mato Grosso uno, com a carteira 1.861, Evandro é natural de Aquidauana. Deixa cinco filhos, todos de carreira jurídica.

Homenagens

O deputado Fábio Trad externou condolências a família na página do Facebook. “Evandro Bandeira, meu amigo. Missão cumprida com louvor. Agora, no céu, junto aos seus mais queridos, demande por nós e pleiteie a Deus que nos fortaleça para que a saudade de você não nos machuque tanto. Sua vida é o nosso exemplo!”, citou.

A OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil/ MS) emitiu nota de pesar. E o presidente Mansour Elias Karmouche disse que a consternação é muito grande. “Doutor Evandro foi um grande advogado, de enorme respeito na comunidade jurídica brasileira. Ele deixa um legado de luta, enfrentamento e de coragem, como poucos advogados já tiveram. Não se deixava esmorecer por nenhuma situação, enfrentava, combatia, defendendo o que entendia como justo. É uma grande perda para advocacia sul-mato-grossense e brasileira”.

Bandeira foi o único do Estado, apoiado pela OAB/MS, a disputar uma posição na lista sêxtupla do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para preencher vaga de ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) em 2007, vaga essa destinada à advocacia pelo quinto constitucional.Também esteve à frente da Secretaria de Controle, Fiscalização e Transparência da Prefeitura de Campo Grande em 2017.

Velório

O velório será às 14 horas no Cemitério Parque das Primaveras, localizado na Av. Sen. Filinto Müler, 2211 – Jardim Parati, restrito a poucos familiares e amigos devido à pandemia de Covid-19. Em mesmo local ocorrerá o sepultamento.

 

Leia Também

Papa Francisco defende leis para união civil entre casais do mesmo sexo
Geral
Papa Francisco defende leis para união civil entre casais do mesmo sexo
Adolescente é apreendido após tentar esfaquear mãe que impediu compra de droga
Interior
Adolescente é apreendido após tentar esfaquear mãe que impediu compra de droga
Voluntário brasileiro morre durante teste da vacina de Oxford
CORONAVÍRUS
Voluntário brasileiro morre durante teste da vacina de Oxford
Sobrevivente de acidente com carreta tem perna amputada
Interior
Sobrevivente de acidente com carreta tem perna amputada