TJMS JANEIRO
Menu
domingo, 23 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Interior

Abandonada, nova Unei de Três Lagoas é ocupada por usuários de drogas

22 novembro 2015 - 15h25Por Portal Rádio Caçula

No dia 17 de dezembro de 2014, o Governador André Puccinelli (PMDB) inaugurou as novas dependências da UNEI (Unidade Educacional de Internação) Masculina Tia Aurora, localizada no Jardim Imperial, em Três Lagoas. Com capacidade para 70 adolescentes, a unidade é a maior do Estado e uma das mais modernas do país. Com investimentos de R$ 9 milhões, o espaço é destinado ao cumprimento de medidas socioeducativas de adolescentes que cometeram atos infracionais. Apesar do investimento, um morador da região denunciou o abandono do local.

Há poucos dias de completar um ano de inauguração, a nova sede ainda não foi utilizada. O morador acionou a redação do Portal Rádio Caçula para registrar o total abandono do local. Segundo o denunciante, a nova sede está servindo de abrigo para moradores de rua e usuários de drogas, e também serve de refúgio para criminosos se esconderem até a “poeira baixar”.

Além de Três Lagoas, a unidade iria atender os adolescentes em conflito com a lei, os municípios de Água Clara, Anaurilândia, Aparecida do Taboado, Bataguassu, Inocência, Santa Rita do Pardo e Selvíria. A nova sede da UNEI conta com recepção, bloco de administração, ambulatórios médicos e odontológicos, alojamentos de agentes e guaritas para a Polícia Militar, oficinas, refeitório, lavanderia, alojamentos, salas de aula, quadra de esportes, passarela coberta, além de quadra coberta e campo de futebol society.

No local não havia nenhum serviço de segurança patrimonial e todas as portas e portões estavam abertos. No interior é fácil notar o descaso, pois a sujeira e o mato tomaram conta de todas as dependências. O morador deu a sugestão para que a administração municipal solicite por empréstimo, o local para servir de creche e outros serviços voltados para crianças e idosos, enquanto o Estado não coloca a UNEI para funcionar

Enquanto a nova sede está totalmente abandonada, a UNEI continua funcionando em uma casa alugada na Rua das Marias, no Parque São Carlos, e está parcialmente interditada, pois sua capacidade é para 12 internos e, segundo informações abriga atualmente 22. A presença da UNEI em uma residência na área urbana, sem a estrutura adequada (guaritas para vigilância constante) acarreta preocupação em moradores da região, por conta do principio de rebelião ocorrido no último dia 26 de outubro deste ano.