TCE MAIO
(67) 99826-0686
Camara Maio

Acusado de matar companheira é condenado a 18 anos de prisão em Ivinhema

Crime passional

21 DEZ 2013
Ivi Notícias
11h37min
Divulgação

No início da semana (18), foi levado a julgamento popular pelo assassinato da companheira, Marcelo Guilherme, 27 anos, acusado de matar Ana Lúcia Valentim, 22 anos, a golpes de faca, em maio do ano passado.

 

O acusado convivia com Ana Lúcia há cerca de seis meses, porém apresentava relacionamento conturbado, por conta do excesso de ciúme de Marcelo. O crime ocorreu no dia das mães, após uma discussão motivada por ciúmes e o rapaz desferiu oito golpes de faca contra a vítima, causando-lhe vários ferimentos que resultaram na morte.

 

Na ocasião, o irmão da vítima, que morava com o casal, teria presenciado a cena. Ouvido em juízo, a testemunha  teria relatado que viu Marcelo Guilherme golpear sua irmã com uma faca enquanto essa estava deitada sobre a cama tentando se defender dos ataques .O crime causou clamor na sociedade de Ivinhema, especialmente porque ocorreu na madrugada do dia das mães. O julgamento foi presidido pelo juiz José Henrique Kaster Franco, a acusação foi sustentada pelo promotor de Justiça Daniel do Nascimento de Britto e a defesa pelo advogado Marcos Ivan Silva.

 

Após os debates que tiveram inicio por volta das 13h o conselho de sentença condenou o acusado Marcelo Guilherme por homicídio duplamente qualificado. Familiares da vítima acompanharam o julgamento. Ao final, o juiz presidente, atendendo a soberania do conselho de sentença, fixou a pena do acusado em 18 anos de reclusão, devendo em regime inicial fechado. Marcelo encontra-se preso desde a época dos fatos e continuará preso até atingir tempo suficiente para ter direito a progressão de regime nos termos da lei.

 

Fonte: Ivi Notícias

Veja também