(67) 99826-0686

Adolescentes suspeitos de estuprar menino de 10 anos são apreendidos e levados para Unei

Crime ocorreu na manhã do dia 1° de dezembro

13 DEZ 2016
Edição de Notícias
14h42min
Foto: Edição de Notícias

Os dois adolescentes, de 15 e 16 anos, suspeitos de intoxicar com bebida alcoólica e estuprar um menino de apenas 10 anos no dia 1º de dezembro, em Coxim, foram apreendidos no final da tarde de ontem  (12), e encaminhados para uma Unei (Unidade Educacional de Internação) em Campo Grande. Os suspeitos já haviam sido apreendidos pela polícia no dia do crime, mas foram soltos por falta de vagas em unidades do Estado.

Ao receber a notícia de que a dupla estava de volta às ruas, a mãe da vítima decidiu deixar a cidade no final da última semana para proteger o filho. Segundo ela, após se recuperar da intoxicação alcoólica, o filho contou que já não estava indo para a escola há dias por medo da dupla. De acordo com o relato do garoto à mãe, os adolescentes faziam gestos de que iriam agredi-lo no colégio, ameaçavam e diziam que iriam obrigá-lo a ingerir bebida alcoólica, o que é contra a religião dele e de sua família.

Conforme a cozinheira, o filho foi capturado pela dupla quando estava a caminho da escola na manhã de 1º de dezembro. “Ele foi forçado a entrar na casa de um deles, a mãe estava viajando e deixou o imóvel por conta do adolescente com bebida ao alcance, lá meu filho foi obrigado a ingerir bebida alcoólica até ser intoxicado e depois foi abusado sexualmente”, disse a mãe contendo a emoção.

Com o surgimento da vaga na Unei nesta segunda-feira (12), a juíza da Vara da Infância e Juventude da Comarca de Coxim expediu um mandado de busca e apreensão para os adolescentes infratores, que foi cumprido pela 1ª Delegacia de Polícia Civil.

Na manhã desta terça-feira (13) os adolescentes foram levados para a Unei Novo Caminho da Capital, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Veja também