Menu
terça, 20 de outubro de 2020
Interior

Advogado se irrita por não dormir com namorada e acaba preso por violência doméstica

Violência Doméstica

02 fevereiro 2014 - 09h48Por Carlos Guessy

Foi registrado às 3h50 da madrugada deste domingo (02) em Dourados um Boletim de Ocorrência contra um advogado , acusado de violência doméstica na cidade.

A vítima, uma mulher, de 45 anos, disse que mantinha namoro com o advogado há cerca de 3 anos e no dia 30 de janeiro mudou-se de Antônio João para Dourados.

Na noite deste sábado os dois saíram para se divertir, depois voltaram para a casa da suposta namorada, o advogado queria dormir na casa da namorada, mas a vítima disse que não daria, pois a casa estava bagunçada e uma parente dela estaria na residência.

Com isso o advogado ficou nervoso, a mulher saiu do carro e entrou na casa. Ele saiu do carro, gritou, ameaçou bater nela e quebrou janelas, danificando a porta e o portão da residência.

A Polícia Militar foi acionada, no local o acusado foi detido, encaminhado para o 1º Distrito Policial e autuado por violência doméstica. Em depoimento o advogado preferiu ficar calado.

Leia Também

Ravi luta pela vida em hospital e família pede corrente de orações em Campo Grande
Cidade Morena
Ravi luta pela vida em hospital e família pede corrente de orações em Campo Grande
Chove em bairros de Campo Grande e água não vai dar trégua até sábado
Cidade Morena
Chove em bairros de Campo Grande e água não vai dar trégua até sábado
Estudantes pedem ajuda de Pedro Kemp para UFMS aceitar Sisu em 2021
Cidades
Estudantes pedem ajuda de Pedro Kemp para UFMS aceitar Sisu em 2021
Menino de três anos afogado em clube segue em estado gravíssimo em Campo Grande
Cidade Morena
Menino de três anos afogado em clube segue em estado gravíssimo em Campo Grande