tce janeiro
Menu
quinta, 27 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Interior

Bombeiros resgatam trabalhador rural picado por cobra em chácara

Resgate

13 outubro 2015 - 13h07Por Anna Gomes

O trabalhador rural Sebastião Fernandes dos Santos, de 46 anos, foi socorrido pelos bombeiros após ser picado por uma cobra na manhã desta terça-feira (13), em uma chácara localizada no Assentamento Santa Terezinha, na zona rural de Coxim, município distante aproximadamente 254 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com o site Edição de Notícias, Santos fazia uma manutenção na roda d´água da chácara por volta das 8 horas quando foi picado na perna direita por uma cobra Jararaca.

Mesmo com dores, a vítima ainda conseguiu matar a cobra com um facão e pediu ajuda para um pedreiro que também trabalhava no local.

Ainda conforme o site local, ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), levado para o Hospital Regional Álvaro Fontoura e passa bem.

Jararaca

A Jararaca-da-mata (Bothrops jararaca) é uma serpente de até 1,6 m, encontrada no Brasil (da Bahia ao Rio Grande do Sul) e em regiões adjacentes no Paraguai e Argentina.

Possui corpo marrom com manchas triangulares escuras, faixa horizontal preta atrás do olho, e região ao redor da boca com escamas de cor ocre uniforme.

A espécie é responsável por grande parte dos acidentes ofídicos registrados em sua área de ocorrência. Também é conhecida pelos nomes de jararaca-do-campo, jararaca-do-cerrado, jararaca-dormideira, jararaca-preguiçosa e jararaca-verdadeira.

Sua cor é marrom com amarelo escuro com rajas pretas. Perigosíssima, prepara o bote ao ver se aproximar qualquer ser. Vive em ambiente preferencialmente úmidos, como beira de rios e córregos, onde também se encontram ratos e sapos, seus pratos mais caçados. Dorme durante o dia debaixo de folhagens secas e úmidas, e gosta de tomar sol, geralmente sol pós chuva.