Menu
sábado, 24 de outubro de 2020
Interior

Dupla confessa que torturou e carbonizou vendedor durante assalto

Barbárie

03 dezembro 2013 - 16h17Por Douradosagora

Policiais do Serviço de Investigações Gerais (SIG) e Delegacia Especializada de Repreensão aos Crimes de Fronteira (Defron) prenderam dois jovens, de 18 e 20 anos, residentes no Jardim Água Boa que, segundo o SIG, confessaram participação na morte do vendedor Gelson Albuquerque Macena, de 43 anos.

A dupla identificou um outro rapaz, de 19 anos, morador na Vila Hilda. Ele está foragido mas deve ser apresentar nas próximas horas, em companhia de advogada.

De acordo com a polícia, o trio supostamente pretendia vender na fronteira o carro que acabou sendo abandonado porque um dos pneus furou.

Conforme noticiado pelo Douradosagora, a vítima saiu da casa da mãe, no Jardim Itália, dizendo que iria vender o carro Fiat Uno e desapareceu. Denúncia levou a polícia ao local onde o corpo dele foi encontrado carbonizado, no final da manhã de ontem.

Segundo a polícia, Gelson foi torturado antes de ser carbonizado. O corpo apresenta também sinais de facadas no peito e o pescoço foi degolado. Na nuca, há perfuração supostamente provocada por um tiro.

A vítima foi reconhecida por familiares através das roupas que usava. Em avançado estado de decomposição, o corpo foi encaminhado ao Instituo Médico Legal (IML) de Dourados.

Conforme o delegado Adilson Stiguivitis, os três por enquanto serão enquadrados pelo crime de homicídio qualificado com ocultação de cadáver, mas poderão ser indiciados por latrocínio (roubou seguido de morte).

Leia Também

COVID: Brasil registra mais 432 mortes e chega a 156.903 óbitos
CORONAVÍRUS
COVID: Brasil registra mais 432 mortes e chega a 156.903 óbitos
Vídeo: família humilde no Tiradentes passa por dificuldades e doa 20 gatos. Quer acolher?
Cidade Morena
Vídeo: família humilde no Tiradentes passa por dificuldades e doa 20 gatos. Quer acolher?
Pastora diz que mãe tem que 'meter a mão na cara e pisar no pescoço' de filho pra ter autoridade
Geral
Pastora diz que mãe tem que 'meter a mão na cara e pisar no pescoço' de filho pra ter autoridade
Posto de combustível é autuado por armazenar litros de diesel ilegalmente
Interior
Posto de combustível é autuado por armazenar litros de diesel ilegalmente