TCE MAIO
(67) 99826-0686
Camara Maio

Estudantes acusam movimento contrário a ocupação da UFGD de vandalismo

Após dias no local, os estudantes também estão pedindo colaborações de simpatizantes a causa

15 NOV 2016
Vinícius Squinelo
09h48min
Foto: Reprodução

Os estudantes que ocuparam na última quarta-feira (9), o prédio da reitoria da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) localizada na Vila Progresso, em protesto contra a PEC-55 (Proposta de Emenda à Constituição) que congela os gastos públicos por 20 anos e ainda contra a reforma do Ensino Médio, divulgaram na manhã desta segunda-feira (14), uma crítica sobre um possível ato de vandalismo por parte de pessoas contrárias a ocupação.

O material foi divulgado na página Ocupa UFGD, na rede social Facebook, onde o grupo publica todas as ações do movimento. Na ocasião, um pedaço do muro teria sido quebrado durante ações contrárias ao movimento.

No texto com o título ‘Quem são os Vândalos’, foi publicado uma imagem com estudantes realizando serviços de conservação do local, segundo eles, no dia 12 de novembro e outra com parte superior do muro danificada no dia 10, um dia após a ocupação.

O material fala que a danificação do muro, foi causada por estudantes contrários a ocupação, sendo que os que ‘ocuparam’ buscaram diálogo e em nenhum momento revidou as ‘agressões’.

Neste dia, os ânimos estavam exaltados e havia muita hostilidade e pré-disposição à violência por conta das pessoas que estavam ao lado de fora. Os e as ocupantes definiram que seria permitida a entrada de alguns representantes do grupo de fora para que fosse feito o diálogo. Em nenhum momento o movimento Ocupa UFGD revidou a violência e as providências cabíveis em relação a esta depredação do patrimônio público serão tomadas, diz o texto.

Após dias no local, os estudantes também estão pedindo colaborações de simpatizantes a causa. Na página consta o pedido de doações de mantimentos para que os estudantes continuem resistindo a ocupação.

Dentre os produtos estão pães, carnes, biscoitos, tomate, ovos, frutas entre outros e ainda produtos para limpeza e higiene pessoal como sabonetes e creme dental.

Veja também