Menu
segunda, 21 de setembro de 2020
Interior

Família de comerciante morto receberá indenização de R$ 90 mil

Os veículos envolvidos pegaram fogo. Os ocupantes da van e o motorista do caminhão morreram carbonizados

09 abril 2019 - 16h21Por Da redação/JP News

Após cinco anos do acidente que matou 11 pessoas que trabalhavam no shopping popular de Três Lagoas, a Justiça condenou mais uma vez a empresa e o motorista do caminhão, responsável pelo acidente ocorrido em 17 de dezembro de 2013, na BR-267 em Nova Andradina. Mais uma família de uma das vítimas do acidente será indenizada.

Em julho do ano passado, o Tribunal de Justiça do Estado já havia condenado a empresa e o motorista que dirigia o caminhão que bateu na Van que transportava os comerciantes para fazer compras no Paraguai. Agora, o juiz da 4ª Vara Civil de Três Lagoas, Márcio Rogério Alves, condenou a empresa e o motorista novamente.

Desta vez, a mãe e dois filhos de um dos comerciantes é quem receberam uma indenização de R$ 90 mil, sendo R$ 30 mil para cada. Além disso, de acordo com a sentença do dia 4 de abril, os condenados terão que pagar uma pensão mensal equivalente a 2/3 do salário-mínimo vigente para os dois filhos da vítima até eles completarem 25 anos de idade, ou alternativamente, o valor total de R$ 264 mil.

O proprietário do caminhão argumentou que é responsável apenas pelo reboque do veículo envolvido no acidente e que não foi o responsável. Argumentou ainda que não existe nos autos qualquer nexo causal que justifique a culpa do acidente de sua parte e que o valor pretendido de indenização por dano moral é desproporcional.

O juiz ressaltou que o motorista do caminhão deixou de observar as regras de trânsito, uma vez que não se utilizou das cautelas necessárias de domínio e segurança do caminhão, principalmente por tratar-se de veículo automotor de grande porte.

ACIDENTE

O acidente ocorreu dia 17 de dezembro de 2013, quando 11 pessoas estavam em uma van que seguia para o Paraguai, morreram após o veículo colidir com um caminhão, no km 152 da rodovia BR-267, próximo à Nova Andradina.

Com a violência do impacto, os veículos pegaram fogo. Os ocupantes da van e o motorista do caminhão morreram carbonizados. Na conclusão das investigações, ficou demonstrado que o acidente teria sido causado pelo motorista do caminhão.

Leia Também

Brasil registra 739 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas
CORONAVÍRUS
Brasil registra 739 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas
Papy é flagrado em reunião com comes e bebes e explica: encontro da igreja
Política
Papy é flagrado em reunião com comes e bebes e explica: encontro da igreja
Vídeo: tentando imitar cena de filme, jovem pula em cima de automóveis, cai e quebra a perna
Geral
Vídeo: tentando imitar cena de filme, jovem pula em cima de automóveis, cai e quebra a perna
Filho morre  de covid-19 oito horas após a mãe em Santa Catarina
CORONAVÍRUS
Filho morre de covid-19 oito horas após a mãe em Santa Catarina