(67) 99826-0686
Camara Maio

Jacaré de dois metros fica preso pela pata em anzol de galho

Preso

5 MAR 2014
Anna Gomes
11h50min
Foto: Divulgação

Policiais Militares Ambientais do Grupamento de Águas do Miranda, em Bonito realizavam ontem (4), à tarde uma fiscalização no rio Nioaque, onde a pesca é proibida em qualquer período e salvaram um jacaré, que estava preso a um anzol de galho.

O réptil que media aproximadamente dois metros estava preso pela pata traseira e aparentava estar muito cansado no momento em que os policiais chegaram. A PMA levou 20 minutos para libertar o animal em segurança, devido a agitação e estresse do bicho.

No rio Nioaque a pesca é proibida. Dessa forma, pescadores e pessoas que moram nas proximidades armam anzóis e até redes de pesca e vão normalmente só conferir pela madrugada. Alguns, não têm coragem de realizar a conferência dos petrechos, especialmente, quando a fiscalização é vista na região, e muitas vezes, a PMA encontra peixe morto alguns até em estado de putrefação nesses petrechos. No caso do jacaré, fatalmente o animal morreria em pouco tempo mais, caso os policiais não chegassem.

Veja também