Menu
Busca terça, 02 de junho de 2020
Camara - corona
Interior

Mulher morre ao ser picada por abelha na região pantaneira de MS

Apesar de ser alérgica e ter a medicação em casa, a vítima não ingeriu o remédio na hora

19 setembro 2019 - 14h51Por Da redação / Edição MS

Uma mulher de 48 anos, morreu no final da manhã desta quinta-feira (19), ao tomar uma picada de abelha. Gloria de Souza estava em casa, numa fazenda a aproximadamente 70 quilometros de Coxim, quando foi picada na coxa.

Apesar de ser alérgica e ter a medicação em casa, a vítima não ingeriu o remédio na hora, alegando que não estava passando mal. Porém, de repente Glória começou a passar mal, tentou tomar o remédio, mas, já não conseguiu engolir.

O marido da vítima disse que em seguida ela apagou. Ele a colocou numa camionete e trouxe em direção ao socorro. O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) encontrou com a vítima na região do ribeirão, mas ela já estava sem vida.

O corpo foi trazido para o IML (Instituto Médico Legal) de Coxim.

Leia Também

Maioria dos leitores é a favor da cloroquina contra a covid, mas 'médico é que decide'
Cidades
Maioria dos leitores é a favor da cloroquina contra a covid, mas 'médico é que decide'
Irmão de George Floyd diz: 'protestos violentos não nos representam'
Geral
Irmão de George Floyd diz: 'protestos violentos não nos representam'
PM humilhado por homem que ganha R$ 300 mil revela: 'não mostrei o vídeo para o meu filho'
Geral
PM humilhado por homem que ganha R$ 300 mil revela: 'não mostrei o vídeo para o meu filho'
Tiago Salvatico, ex de Gugu Liberato, desiste de herança bilionária
Geral
Tiago Salvatico, ex de Gugu Liberato, desiste de herança bilionária