Menu
sexta, 30 de outubro de 2020
Interior

PM apreende dois acusados de atear fogo na casa de policial

Cassilândia

20 dezembro 2013 - 11h39Por Schimene Weber

Na manhã desta sexta-feira (20), a Polícia Militar de Cassilândia prendeu dois homens acusados de incendiar o carro de um policial na madrugada do último dia 16.

Bruno de Jesus Bernardes (19) e Rafael Augusto da Silva (23) invadiram a residência do policial militar e atearam fogo no veículo ainda na garagem. O desastre só não foi maior porque a vizinhança ajudou na contenção do fogo, que poderia atingir a esposa e o filho recém-nascido do policial.

Os acusados possuem diversas passagens e, em muitas delas, quem registrou ou efetuou a prisão foi o policial, o que pode ter motivado a vingança.

Desde a data do ocorrido, os investigadores da unidade foram requisitados para trabalhar na materialização e identificação dos autores, o que resultou em 80 horas de investigações.

Até o momento, a polícia ainda busca por Deivithy Moreira Rodrigues, de 27 anos, conhecido como 'Barata', que foi apontado pelos outros dois presos como mentor e auxiliar na execução do crime.

Leia Também

Homem é preso por vender ossadas de cemitério para rituais religiosos no Rio
Geral
Homem é preso por vender ossadas de cemitério para rituais religiosos no Rio
Brasil tem 513 mortes pela covid em 24 horas, diz Ministério da Saúde
Geral
Brasil tem 513 mortes pela covid em 24 horas, diz Ministério da Saúde
Corredor de ônibus e apoio aos aplicativos foram destaque em horário eleitoral da noite
Cidade Morena
Corredor de ônibus e apoio aos aplicativos foram destaque em horário eleitoral da noite
Babaca: homem invade quintal e mata cachorro a pauladas em Anastácio
Interior
Babaca: homem invade quintal e mata cachorro a pauladas em Anastácio