Menu
segunda, 19 de outubro de 2020
Interior

Polícia prende quadrilha que furtava combustível em Porto Esperança

Porto Esperança

01 março 2014 - 09h22Por Diário Corumbaense

Na última quinta-feira (27), a Policia Civil de Corumbá conseguiu desmontar um esquema de furto de combustíveis de embarcações e comércio ilegal de combustível no município de Porto Esperança, localizado há 80 km da área urbana da Cidade Branca. Foram presas três pessoas acusadas dos crimes, sendo dois ribeirinhos e um paraguaio que comanda uma das barcaças.

 

Foram três meses de investigação para flagrar o esquema com participação de moradores da localidade e comandantes de embarcações de transporte de minério de uma empresa que atua na região.“Recebemos inicialmente a informação que de cada embarcação era subtraído em torno de mil litros de combustíveis. É muita coisa, muito dinheiro. Nessa madrugada não conseguimos grandes apreensões, apreendemos 200 litros de lubrificantes, 200 de óleo diesel e de gasolina”, detalhou o delegado regional da PC, Evandro Corredato.

 

Ele informou ainda que o volume de combustível subtraído era grande e comercializado pelos moradores, pescadores e fazendeiros a um preço bem abaixo da média. “Um dos receptadores, que teve um tambor de lubrificante apreendido num depósito na casa dele, contou que o tambor passou na água, na frente da casa dele e então ele puxou e armazenou. Todos negam”, disse o delegado regional.

 

Corredato explicou que os comandantes que participavam do esquema recebiam para deixar retirar combustível das barcaças. “Os comandantes vendiam para os receptadores que depois revendiam”, contou ao informar que a mineradora já realizava investigações internas para apurar furto de combustíveis.

 

Fonte: Diário Corumbaense

Leia Também

Brasil tem 271 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas
Geral
Brasil tem 271 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas
Fim do mistério: suspeito de cortar fios de internet no Leblon é preso por furto
Cidade Morena
Fim do mistério: suspeito de cortar fios de internet no Leblon é preso por furto
Peão morre oito dias após ser pisoteado por égua em Ribas do Rio Pardo
Cidade Morena
Peão morre oito dias após ser pisoteado por égua em Ribas do Rio Pardo
'Mucha plata': bolivianos são pegos com R$ 1,5 milhão na fronteira
Interior
'Mucha plata': bolivianos são pegos com R$ 1,5 milhão na fronteira