TJMS JANEIRO
Menu
quinta, 20 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Interior

Sem conseguir se alimentar, bezerro com 'cara de buldogue' morre em Alcinópolis

21 outubro 2015 - 11h42Por Redação

Sem conseguir se alimentar por conta má formação na boca, o bezerro que nasceu na última semana numa fazenda na zona rural de Alcinópolis e ganhou o apelido carinho de “cara de buldogue”, morreu dias depois do nascimento na propriedade.

De acordo com o dono da propriedade, Domingos Rodrigues Menezes, de 56 anos, o bezerro só respirava pela boca e não conseguia mamar.

Segundo o produtor rural, o bezerro também não conseguia andar. Ele chegou a coloca-lo de pé, mas o animal não conseguiu se movimentar e só ficava deitado.

O bezerro macho com aparência estranha, que ganhou até o apelido de “cara de buldogue”, deu o que falar e foi notícias em vários sites e jornais do estado.