TJMS JANEIRO
Menu
sexta, 21 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Interior

Tempestade em Amambai derruba postes e rebanho morre eletrocutado

24 novembro 2015 - 12h56Por Portal do Conesul

Em Amambai, a chuva que caiu na manhã de segunda-feira (23), acompanhada de ventos fortes, provocou muitos estragos e prejuízos, tanto na zona urbana quando na rural. A tempestade derrubou árvores, destelhou casas e currais.

Os ventos circulares semelhantes a um tornado atingiram uma faixa de aproximadamente dois quilômetros e passaram a cerca de 11 quilômetros da cidade.  Na Fazenda Santa Rita a força do vento arrebentou a fiação da rede de alta tensão que caiu sobre o rebanho, matando na hora, eletrocutadas, 15 vacas da raça nelore.

Na região da base operacional da Polícia Militar Rodoviária Estadual (PRE) na Rodovia MS-156 entre Amambai e Tacuru, pelo menos quinze postes de concreto de sustentação da rede elétrica acabaram caindo.

Parte deles foi quebrada quase ao meio pela força do vento, interrompendo o fornecimento de energia elétrica, trazendo prejuízo aos produtores de leite com o desligamento dos resfriadores. Um pé eucalipto caiu sobre o alojamento dos policiais, destruindo a caixa d'água e afetando a estrutura da edificação.

Outro eucalipto caiu sobre a pista interditando a MS-156, na saída para Tacuru. Numa propriedade rural localizada nas imediações, uma árvore caiu sobre um Fiat Uno, que ficou bastante danificado. Na Capela São Cristóvão, região conhecida como “Bila”, a força do vento arrancou parte do telhado da ala antiga do salão de festas da comunidade católica. O “Bar do Bila”, a alguns metros adiante, também ficou parcialmente sem cobertura.