Menu
terça, 29 de setembro de 2020
Na Lata

NA LATA: cloroquina e azitromicina matam 27% mais

Conclusão é de pesquisa internacional de França Inglaterra e Suíça... devem ser todos comunistas

29 agosto 2020 - 10h10Por TopMídiaNews

O uso combinado de hidroxicloroquina e azitromicina aumenta em 27% as mortes em vítimas do novo coronavírus. É o que concluiu pesquisadores da Inglaterra, França e Suíça, trabalhando em conjunto e publicando uma Revisão Sistemática sobre a relação entre os medicamentos e a doença em todo o mundo.

E mais: mesmo usados separadamente, nenhum dos dois medicamentos auxiliam na redução dos danos da covid-19. Diferente de muitos que dizem o contrário, o trabalho, divulgado dia 25 de agosto, usa bases científicas.

Mas, como todos sabem, devem ser todos comunistas.

Leia Também

Campo Grande e 29 cidades recebem alerta de tempestades nesta segunda-feira
Cidades
Campo Grande e 29 cidades recebem alerta de tempestades nesta segunda-feira
Combate às queimadas no Pantanal ganha reforço de 120 brigadistas e bombeiros
Cidades
Combate às queimadas no Pantanal ganha reforço de 120 brigadistas e bombeiros
Força-tarefa faz devassa em lojas 'xing ling' e flagra 'show de riscos' ao consumidor na Capital
Cidade Morena
Força-tarefa faz devassa em lojas 'xing ling' e flagra 'show de riscos' ao consumidor na Capital
Corpo de bebê que caiu no Rio Paraguai é encontrado pelos bombeiros
Interior
Corpo de bebê que caiu no Rio Paraguai é encontrado pelos bombeiros