Menu
quarta, 25 de novembro de 2020
Oportunidades

UEMS terá mais 590 vagas e retorno do vestibular

Anúncio foi feito nesta segunda-feira pelo governador Reinaldo Azambuja

09 novembro 2020 - 14h48Por Nathalia Pelzl

A Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) vai contar com mais 590 vagas em novos cursos de graduação em 2021. 

O anúncio foi feito nesta segunda-feira (9) pelo governador Reinaldo Azambuja.

Agora, além dos cursos à distância que já estão com inscrições abertas (Pedagogia e Licenciatura em Ciências Sociais), a UEMS vai disponibilizar os cursos presenciais de Agronomia, em Maracaju e Mundo Novo, com 50 vagas em cada unidade; de Sistema de Informação, em Nova Andradina (40 vagas); e de Tecnologia em Logística, em Jardim (40).

Outra novidade é que a universidade vai voltar a ter vestibular após 10 anos. A provável data da prova será no dia 6 de fevereiro, conforme divulgou Azambuja. 

Com isso, a partir do ano que vem a universidade terá metade das vagas destinadas a alunos aprovados pelo Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) e metade por meio do vestibular. O retorno da avaliação só foi possível graças ao apoio do Governo do Estado, que está aportando recursos na ordem de R$ 300 mil.

Em reunião na governadoria, Reinaldo Azambuja autorizou ainda o repasse de R$ 2,3 milhões da Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul) para a instituição. 

Jardim, Cassilândia, Aquidauana e Paranaíba também recebem reformas nas unidades universitárias. Em Ponta Porã, o governo investe R$ 1 milhão na mudança da sede para a Escola Calvoso e na construção de um bloco para atender professores e técnicos administrativos. Já na capital, o investimento mais recente é em adaptações em salas administrativas.

O repasse financeiro da Fundect será investido em 63 projetos contemplando demandas específicas de 50 cursos de graduação e 13 de pós-graduação (Mestrado e Doutorado), com valores de R$ 80 mil a R$ 200 mil para cada iniciativa. 

Reinaldo Azambuja ainda definiu o dia 1º de dezembro para a reunião entre Governo e representantes do Sindicato dos Técnicos Administrativos para implementação do Plano de cargos e Carreiras da UEMS, resolvendo um problema de mais de sete anos. 
 

Leia Também

Mãe e bebê de dois meses morrem após carro bater em coqueiro em Bonito
Interior
Mãe e bebê de dois meses morrem após carro bater em coqueiro em Bonito
Tumor retirado da cabeça de prefeito de Coxim é benigno, dizem médicos
Interior
Tumor retirado da cabeça de prefeito de Coxim é benigno, dizem médicos
Presidente da Fundação Palmares ataca: 'morto no Carrefour não era preto honrado'
Geral
Presidente da Fundação Palmares ataca: 'morto no Carrefour não era preto honrado'
Brasil tem 654 mortes por covid em 24h, diz Ministério da Saúde
Geral
Brasil tem 654 mortes por covid em 24h, diz Ministério da Saúde